Agricultores familiares do Sul da Amazônia: Desafios e estratégias para inovação agroecológica de sistemas de produção

Lucimar Santiago de Abreu, Maria Aico Watanabe

Resumo


 A importância agroecológica e ambiental da Amazônia para o equilíbrio do clima e biodiversidade é mundialmente reconhecida. Porém, pouco se discute os usos dos recursos naturais pela população regional ou a conservação ambiental, a agro biodiversidade e a segurança alimentar. Entre o final de 2007 e 2016 foram conduzidas pesquisas sobre a produção agroflorestal de produtores ecológicos de Ouro Preto do Oeste, Rondônia, sul da Amazônia. Inicialmente foram entrevistados 29 agricultores de base ecológica; depois, com visitas e contatos com produtores e agentes locais, acompanhou-se a experiência e atualizaram-se os dados da pesquisa. Assim objetivou-se com este trabalho avaliar as potencialidades da diversificação agroecológica das atividades pela comparação do que cultivavam e criavam e o que poderiam cultivar e criar conforme as espécies existentes e as espécies já pesquisadas para região, analisando os desafios para a produção oriunda dessas atividades. A comparação mostra que apesar do avanço e consolidação em termos de desenvolvimento de sistemas agroflorestais, há ainda amplo espaço para a inovação e a diversificação agroecológica das atividades pelos agricultores. Atualmente há múltiplas entidades públicas e privadas na região que oferecem assistência técnica. Contudo, nem todos os agricultores tem acesso a esses serviços e a qualidade técnica exigida para a condução de sistemas agroflorestais precisam ser adequadas aos princípios da agroecologia demanda crucial dos agricultores familiares, tratando-se de requisito para o desenvolvimento sustentável local.

Smallholders of South of Amazon: Challenges and strategies for  innovation of  agroecological their production systems

Abstract: The agroecological and environmental importance of the Amazon for climate equilibrium and biodiversity are worldwide recognized. But little is discussed the natural resources use by regional population or the environmental conservation, agrobiodiversity and food security. Between the end of 2007 and 2016 it was conducted researches about the agroforest production of Associação de Produtores Alternatives (APA), Ouro Preto do Oeste, Rondônia, South of Amazon. Firstly it was interviewed 29 ecological-based farmers, with visits and contacts with producers and local agents followed the experience and up-dated the research data. Thus, it was objectified with this work to evaluate the potentialities of activities diversification by comparison of what cultivated and raised, what could cultivate and raise according to the existent species, and the species already researched for the region, and to evaluate the challenges for production originated from these activities. The comparison shows that in spite of agroforest systems development, there is wide space for innovation and diversification of the activities by the farmers. Currently multiple public and private entities in the region offer technical assistance. However not all the farmers have access to these services and the technical quality required for the conduction of agroforest systems need to be adequate to farmers’ demand, being requirement for local sustainable development.

 


Palavras-chave


Agroecologia; Agricultura familiar; Ouro Preto do Oeste; Inovação tecnológica; Sistemas agroflorestais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18378/rvads.v11i5.4202

Direitos autorais 2016 Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável