Análise multitemporal da regeneração natural da candeia após ocorrência de incêndio florestal

Ivy Mayara Sanches de Oliveira, Alex Donizeti Sales, Eduarda Martiniano de Oliveira Silveira, Fausto Weimar Acerbi Júnior, José Marcio de Mello

Resumo


Os sensores de satélites têm a capacidade de fornecer informações sobre regiões afetadas pela atividade do fogo, sendo uma ferramenta eficiente para a detecção e quantificação destas áreas. Objetivou-se avaliar o comportamento da regeneração natural da candeia Eremanthus incanus (Less.) Less, após a ocorrência de incêndio florestal por meio do índice de vegetação da diferença normalizada (NDVI) de forma a identificar a capacidade de resiliência da espécie. O incêndio ocorreu em 1999, ao lado do Parque Nacional da Serra do Cipó no município de Morro do Pilar, Minas Gerais. Foi selecionada uma série temporal de quatro imagens adquiridas entre os anos de 1999 a 2005 do satélite Landsat (TM e ETM+). Foram geradas as imagens NDVI e em seguida foram obtidos seus valores de reflectância nas diferentes datas para analisar o comportamento espectral das áreas em regeneração. Posteriormente esses parâmetros foram utilizados para analisar as alterações na cobertura vegetal. Ao comparar os valores de NDVI antes e pós-incêndio, observou-se que num período de 6 anos a candeia apresenta valores de reflectância próximos àqueles encontrados antes do incêndio, o que sugere que a cobertura vegetal está num estágio similar à antes da ocorrência do fogo. O índice aplicado mostrou-se eficiente na análise da capacidade de resiliência da espécie após o fogo.

Multitemporal analysis of natural regeneration of Candeia after occurrence of forest fire

Abstract: Satellite sensors have the ability to provide information on areas affected by fire activity, being an efficient tool for detection and quantification of these areas. The aim of this study was to analyze the natural regeneration pattern of the Eremanthus incanus (Less.) Less, after the occurrence of forest fire, using the normalized difference vegetation index (NDVI) in order to identify its resilience capacity. The fire occurred in 1999, next to the Serra do Cipó National Park in Morro do Pilar city, Minas Gerais. A time series of four Landsat (TM e ETM+) images acquired between the years 1999-2005 were selected. The NDVI images were generated and their reflectance values were obtained at the different dates to analyze the spectral pattern of regenerating areas. Later, these parameters were used to analyze the vegetation cover changes. Comparing the NDVI values before and after the fire, it was observed that, over a period of 6 years the reflectance values were close to those found before the fire, which suggests that the vegetal cover is at a similar stage before the fire occurrence. The applied index proved to be efficient in the analysis of the species capacity of resilience after the fire occurrence.

 



Palavras-chave


Sensoriamento remoto, NDVI, detecção de mudanças.

Texto completo:

PDF

Referências


ACERBI JÚNIOR, F.W.; SILVEIRA, E. M. O.; MELLO, J. M.; MELLO, C. R.; SCOLFORO, J. R. S. Change detection in Brazilian savannas using semivariograms derived from NDVI images. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 39, n. 2, p. 103-109, 2015.

ALMEIDA, A. Q; RIBEIRO, A.; DELGADO, R. C.; RODY, Y. P.; OLIVEIRA, A. S.; LEITE, F. P. Índice de Área Foliar de Eucalyptus estimado por índices de vegetação utilizando imagens TM - Landsat 5. Floresta e Ambiente, Seropédica, v.22, n.3, p.368-376, 2015.

CARVALHO, L. M. T.; SCOLFORO, J. R. S. Inventario Florestal de Minas Gerais: Monitoramento da Flora Nativa: 2005-2007. Lavras: Editora UFLA, 2008. 318p.

CONSTANTINI, M.L.; ZACCARELLI, N.; MANDRONE, S.; ROSSI, D.; CALIZZA, E.; ROSSI, L. NDVI spatial pattern and the potential fragility of mixed forested areas in

Volcanic lake watersheds. Forest Ecology and Management, Amsterdam, v. 285, p.133-141, 2012.

SILVA, S. L., BAPTISTA, G. M. M. Análise do Grau de Severidade de Áreas Queimadas na Estação Ecológica de Águas Emendadas por Meio de Dados do Landsat 8. Revista Brasileira de Geografia Física, Recife, v.8, n 2, p. 431-438, 2015.

FARIA, H. H.; SÉRGIO, F. C.; GARRIDO, M. A. O. Recomposição da vegetação ciliar integrada à conservação de microbacia. Revista do Instituto Florestal, São Paulo, v. 21, p.1-22, 2001.

FERNANDES, A. C. G., COUTINHO, M. A. N., SANTOS, V. G.; NASCIMENTO, C. R. Utilização de intervalos de índices de vegetação e temperatura da superfície para detecção de queimadas. Caderno de Ciências Agrárias, Montes Claros, v.8, p.30-40, 2016.

HERMUCHE, P. M.; FELFILI, J. M. Relação entre NDVI e florística em fragmentos de floresta estacional decidual no Vale do Paranã, Goiás. Ciência Florestal, Santa Maria, v. 21, n. 1, p. 41-52, 2011

MAGALHÃES, I. A. L.; XAVIER, A. C.; DOS SANTOS, A. R. Caracterização da dinâmica espectro temporal florestal e da cana-de-açucar no município de Itapemirim, ES. Geosul, Florianópolis, v. 28, n. 56, p. 183-210, 2014.

MARTINS, L. F.; DA SILVA, J. S.; HENRIQUE, M. Aplicação do índice de vegetação por diferença normalizada (NDVI) para avaliação ambiental da bacia hidrográfica do alto guariroba, Campo Grande-MS. Periódico Eletrônico Fórum Ambiental da Alta Paulista, Tupã, v.10, n. 2, 2014.

NAPPO, M. E.; FONTES, M. A. L.; OLIVEIRAFILHO, A. T. Suficiência amostral e análise do tamanho de parcela para o estudo da regeneração natural do sub-bosque de povoamentos homogêneos de Mimosa scabrella Benth., em área minerada, em Poços de Caldas-MG. Revista Árvore, Viçosa, v.23, n.4, p.443-453, 1999.

PEREIRA, J. A. V.; DA SILVA, J. B. Detecção de focos de calor no estado da Paraíba: um estudo sobre as queimadas. Revista geográfica acadêmica, Paricarana, v. 10, n. 1, p. 5-16, 2016.

PONZONI, F. J.; SHIMABUKURO, Y. E. Sensoriamento Remoto no Estudo da Vegetação. São José dos Campos, SP: A. Silva Vieira Ed., 2010.

RODRIGUES, R. R.; LEITÃO-FILHO, H. F. Matas ciliares: conservação e recuperação. São Paulo: Edusp/Fapesp, 2000. p.289-312.

ROUSE, J.W.; HAAS, R.H.; SCHELL, J.A.; DEERING, D.W. Monitoring vegetation systems in the great plains with ERTS. In: Earth Resources Technology Satellite-1, Proceedings, Washington, v.1, p. 309-317, 1973.

SCOLFORO, J. R. S.; OLIVEIRA, A. D.; DAVIDE, A. C., MELLO, J. M.; ACERBI JUNIOR, F. W. Manejo Sustentável da Candeia: o caminhar de uma nova experiência em Minas Gerais. Lavras: Editora UFLA, 2012. p. 19-27.

SCOLFORO, J. R. S.; DAVIDE A. C.; OLIVEIRA; A. D.; SILVA, C. P. C.; ACERBI JÚNIOR, F.W.; ANDRADE, I. S. O Manejo da Candeia Nativa. Lavras: Editora UFLA, 2008.

SILVA, L.; COSTA FILHO, J. F., LIMA, E. R. V.; ALMEIDA, H. A. Análise do Albedo e do Índice de Vegetação da Diferença Normalizada (NDVI) em uma Bacia Hidrográfica, usando o SEBAL – Surface Energy Balance Algorithm for Land; In: XIII SBGFA, 54, 2009.

QUN, D.; HUIZHI, L. Seven years of carbon diaoxide exchange over a degraded grassland and a cropland with maize ecosystems in a semiarid area of China. Agriculture, Ecosystems and Environments, Zurich, v.173, p.1-12, 2013.

TOMZHINSKI, G. W; COURA, P. H. F; FERNANDES, M. C. Avaliação da Detecção de Focos de Calor por Sensoriamento Remoto para o Parque Nacional do Itatiaia. Biodiversidade Brasileira, Brasília –DF, v 1, n 2, p. 201-211, 2011

WULDER, M. A.; FRANKLIN, S. E. Understanding forest disturbance and spatial pattern: remote sensing and GIS approaches. New York: CRC Press, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.18378/rvads.v12i2.4719

Direitos autorais 2017 Ivy Mayara Sanches de Oliveira et al.

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.