Análise do saneamento básico e saúde pública na cidade de Pombal, Paraíba

Francisca Jessica da Silva Melo, José Adalberto da Silva Filho, Silvana Nóbrega de Andrade, Zacarias Caetano Vieira

Resumo


Nos últimos anos, tem-se verificado um aumento da urbanização em muitas cidades brasileiras. Entretanto, a oferta dos serviços de saneamento básico não tem crescido na mesma proporção. Soma-se a isso as variações climáticas e a degradação ambiental. Diante do exposto, objetivou-se apresentar os principais problemas do saneamento ambiental na cidade de Pombal (PB), avaliando a relação desses com os problemas de saúde recorrentes na população. A execução desse trabalho seguiu as etapas de pesquisa bibliográfica sobre o tema, levantamento de dados primários e secundários, e finalmente, análise e discussão dos dados obtidos. Constatou-se, na área urbana, alguns problemas que contribuem para a degradação do ambiente e contaminação das águas do rio Piranhas, como o lançamento de esgoto doméstico sem tratamento e a disposição inadequada dos resíduos sólidos domésticos. Verificou-se que um maior número de internações ocorre justamente no período mais chuvoso, deixando claro a necessidade de investimento em saneamento básico. Os resultados obtidos atestam a relação entre a saúde pública, nível de saneamento básico, urbanização e conservação ambiental, não sendo possível pensar em ações que visem melhorar a saúde pública, sem pensar concomitantemente em ações de conservação ambiental e saneamento básico.

Ontleding van sanitasie en openbare gesondheid in die Stad van Pombal, Paraíba

Abstract: In onlangse jare, daar is 'n toename van verstedeliking in baie Brasiliaanse stede. Egter die voorsiening van basiese sanitasie dienste dit nog gegroei teen dieselfde tempo. Voeg by dat die klimaat verander en omgewings agteruitgang. Op die bogenoemde, die doelwit van die aanbieding van die belangrikste probleme van omgewing sanitasie in die Stad van Pombal (PB), beoordeling van die verhouding van diegene met herhalende gesondheidsprobleme in die bevolking. Hierdie werk volg die stappe van bibliografiese navorsing oor die onderwerp, primêre en sekondêre data versameling, ontleding en bespreking van die data verkry. Dit was opgemerk, in die stedelike gebied, 'n paar probleme wat bydra tot omgewings agteruitgang en besoedeling van die waters van die rio Piranhas, soos die bekendstelling van huishoudelike riool sonder behandeling en onbehoorlike wegdoen van binnelandse vaste afval. Dit is gevind dat 'n groter getal van hospitaliserings kom juis in die wettest tydperk, maak duidelik die behoefte vir belegging in basiese sanitasie. Die resultate getuig van die verhouding tussen openbare gesondheid, basiese sanitasie, verstedeliking en Omgewingsbewaring, dit is nie moontlik om te dink van aksies gemik op die verbetering van openbare gesondheid, sonder denke by die dieselfde tyd in Omgewingsbewaring en sanitasie.


Palavras-chave


Esgoto; Resíduos sólidos; Doenças.

Texto completo:

PDF

Referências


AESA. Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba. Precipitação pluviométrica mensal (mm) de Pombal. Disponível em: < http://www.aesa.pb.gov.br >. Acesso em: 02.12.2015.

BARCELLOS, C.; MONTEIRO. A. M. V.; CORVALÁN, C., GURGEL, H. C.; CARVALHO. M. S.; ARTAXO. P.; HACON. S.; RAGONI. V. Mudanças climáticas e ambientais e as doenças infecciosas: cenários e incertezas para o Brasil. Epidemiol. Serv. Saúde, v. 18, n. 3, p. 285-304, Brasília, 2009.

BRASIL. Fundação Nacional de Saúde. Resíduos sólidos e a saúde da comunidade: informações técnicas sobre a interrelação saúde, meio ambiente e resíduos sólidos /Fundação Nacional de Saúde. Brasília: Funasa, 2013.

CHAVES, A. D. C. G.; ALMEIDA, R. R. P. de; CRISPIM, D. L.; FÉLIX, A. C. T.; MARACAJÁ, P. B. Análises dos principais sais presentes nas águas de poços tubulares em duas comunidades rurais do município de Pombal-PB. Revista Verde, Pombal – PB - Brasil) v. 10, n.3, p 01 - 07, jul-set, 2015.

CRISPIM, D. L.; LEITE, R. P.; CHAVES, A. D. C. G.; MARACAJA, P. B.; BARBOSA, R. C. A.; CAJÁ, D. F. Diagnóstico ambiental do rio Piancó próximo ao perímetro urbano da cidade de Pombal – PB. Revista Brasileira de Gestão Ambiental, Pombal – PB - Brasil, v. 7, n. 3, p. 01 - 06, jul. /set. 2013.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico 2010. Disponível em < http://cidades.ibge.gov.br/xtras/home.php?lang=> Acesso em: 29 de fevereiro 2016.

LAZZARETTI, L. Saneamento básico e sua influência sobre a saúde da população. 2012. 26 f. Monografia (Especialização) - Curso de Gestão em Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012

MOURA, E. M. Avaliação da disponibilidade hídrica e da demanda hídrica do trecho do rio Piranhas-Açú entre os açudes Coremas-Mãe D’água e Armando Ribeiro Gonçalves. Dissertação (mestrado). Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal, 2007.

SILVA, S. M. da; THOMAZ, M. R. P.; ANDRADE, E. T. de; HOLMES, E. Levantamento ambiental do Rio Piranhas-Açu. Atividades poluidoras ou potencialmente poluidoras, pontos de lançamentos de efluentes, 2007. Disponível em: . Acesso em: 18 de agosto de 2017.

SOUSA, D. J. A.; CHAVES, A. D. C. G.; ALMEIDA, R.R.; PESSOA, G. C. M.; SANTOS, C. S. A. Percepção ambiental dos moradores da cidade de Coremos – PB em relação ao saneamento básico. In: Congresso Técnico Científico da Engenharia e da Agronomia, CONTECC’ 2015, Fortaleza, 2015.em Sistemas Agroindustriais) – Universidade Federal de Campina Grande, Pombal. 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.18378/rvads.v12i1.5151

Direitos autorais 2017 Francisca Jessica da Silva Melo et al.