Revista Brasileira de Pesquisa em Administração https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA <p>A Revista Brasileira de Pesquisa em Administração (RBPA) (ISSN: 2447-5149) é um periódico científico e eletrônico do Grupo Verde de Agroecologia e Abelhas (GVAA), é editada semestralmente e destina-se à divulgação de artigos técnico-científicos originais e inéditos, elaborados em Português, Inglês ou Espanhol. Os artigos submetidos recebem parecer de Consultores voluntários e podem ou não ser aceitos para publicação pela Equipe Editorial. RBPA também aceita a submissão de contribuições em formato de nota técnica ou estudo de caso, assim como carta ao Editor em forma de sugestões, comentários e críticas relativas as publicações. A Revista Brasileira de Pesquisa em Administração iniciou suas atividades no ano 2013 e atualmente os seus artigos são indexados em Livre! O endereço da Revista na web é o http://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/ A reprodução dos artigos publicados é permitida, desde que citada a fonte.</p> <p>&nbsp;</p> pt-BR rvadsgvaa@gmail.com (Wellington Ferreira de Melo) Fri, 29 Mar 2024 08:06:37 -0300 OJS 3.3.0.13 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 A importância da logística para as organizações empresariais https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10433 <p>A Logística preocupa-se em integrar os diferentes setores das organizações empresariais. Seu trabalho consiste em estabelecer parcerias com fornecedores para que a organização empresarial tenha sempre à sua disposição matéria-prima, insumos e os produtos necessários ao seu processamento interno e/ou ao atendimento direto das demandas de sua clientela. Neste sentido, acreditamos que o cenário econômico atualmente desencadeado pelo processo de globalização, exige que as organizações empresariais sejam mais competitivas. Essa é a condição imposta para a permanência no mercado.</p> José Ozildo dos Santos, Marcela de Almeida Costa, Jefferson Gismont Correia Andrade, Rossino Ramos de Almeida, Tayana Adélia Palmeira Gomes Nepomucena, José Pereira da Silva Filho, Nicolle Borba Maracaja Rodrigues Gomes Copyright (c) 2024 José Ozildo dos Santos, Marcela de Almeida Costa, Jefferson Gismont Correia Andrade, Rossino Ramos de Almeida, Tayana Adélia Palmeira Gomes Nepomucena, José Pereira da Silva Filho, Nicolle Borba Maracaja Rodrigues Gomes https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10433 Fri, 29 Mar 2024 00:00:00 -0300 A cidade de serra branca (paraíba) na percepção de seus moradores https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10434 <p>Trata-se de um estudo exploratório de abordagem quantitativa, que teve por objetivo avaliar como se apresenta a cidade de Serra Branca (Paraíba) na percepção de seus moradores. Definida pelos entrevistados como sendo uma cidade alegre e festiva, sem o estresse do cotidiano urbano, Serra Branca possui necessidades comuns às cidades interioranas do Nordeste brasileiro, necessitando de uma maior ação por parte de seus governantes para ter não somente um maior desenvolvimento como também para garantir que sua população tenha uma melhor qualidade de vida. Verificou-se que há entre os entrevistados o entendimento que a existência de mais empregos locais também contribuiria para a melhoria desses parâmetros. Através da presente pesquisa verificou-se também que a falta de água para o consumo humano é o maior problema enfrentado pela população de Serra Branca. Constatou-se que bairros existentes possuem pouca infraestrutura, a arborização das ruas da cidade de Serra Branca é regular, necessitando uma maior atenção por parte do poder público local.</p> Katryne Dantara Pereira Santos, José Ozildo dos Santos Copyright (c) 2024 Katryne Dantara Pereira Santos, José Ozildo dos Santos https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10434 Fri, 29 Mar 2024 00:00:00 -0300 Gestão e responsabilidade do IPSERB: Um estudo de caso sobre o Instituto de Previdência de Serra Branca-Paraíba https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10435 <p>A presente pesquisa foi de natureza descritiva e do tipo documental. Nela foram utilizados os documentos do acervo administrativo do Instituto de Previdência de Serra Branca, no que diz respeito aos balanços e cálculos atuariais, relativos ao período de 2012 a 2016. O Regime Próprio de Previdência Social está previsto no art. 40 da Constituição Federal, tem caráter contributivo, é o regime previdenciário dos servidores públicos que titulam cargos efetivos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Cabe ressaltar que os entes federados não são obrigados a manter Regimes Próprios de Previdência, podendo optar entre ter um Regime Próprio ou se vincular ao Regime Geral de Previdência Social, ou mesmo, migrar de um regime para o outro, pois, a opção do regime é uma faculdade que a legislação permite. Em Serra Branca, o Regime Próprio de Previdência foi instituído pela Lei Municipal nº 149, em 25 de agosto de 1993, quando o município migrou do Regime Geral de Previdência para o Regime Próprio, assumindo a previdência dos servidores públicos municipais ocupantes de cargo efetivo. A realização da presente pesquisa proporcionou o entendimento de que fixando uma alíquota de contribuição previdenciária patronal muito abaixo daquela considerada necessária, o município de Serra Branca vem conseguindo cumprir suas obrigações junto ao Instituto Nacional do Seguro Social, pagando em dia o parcelamento de débitos previdenciários anteriores à existência do Instituto Municipal de Previdência. Contudo, vem diretamente descapitalizando o Fundo Municipal de Previdência, visto que não repassa para aquela autarquia previdenciária os recursos necessários à sua capitalização, condicionando as atividades do mencionado Instituto a constantes aportes.</p> David Bennet Souza da Costa Leão , José Ozildo dos Santos Copyright (c) 2024 David Bennet Souza da Costa Leão , José Ozildo dos Santos https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10435 Fri, 29 Mar 2024 00:00:00 -0300 O que revelam os índices de acesso ao microcrédito do banco do empreendedor em caçador, santa catarina? https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10322 <p>Este estudo analisa o acesso ao microcrédito do Banco do Empreendedor em Caçador/SC, considerando o contexto em que 49,6% dos novos negócios no Brasil surgiram devido à necessidade de empreender após a pandemia de Covid-19. Em outubro de 2022, Caçador apresentava 7.109 empresas ativas, sendo 85,19% microempresas, indicando a vitalidade dos pequenos negócios na região. O trabalho adota uma abordagem quali-quantitativa e pesquisa aplicada, utilizando dados do período de 2017 a 2021. Observa-se um crescimento na carteira de crédito, mas a inadimplência aumentou em 2021, destacando desafios financeiros enfrentados pelos empreendedores. A presença expressiva de empreendedores jovens e a participação feminina ressaltam a dinâmica diversificada do cenário empreendedor local. O estudo sugere a necessidade de estratégias para lidar com a inadimplência e destaca a importância contínua do Banco do Empreendedor no apoio ao desenvolvimento econômico local, propondo medidas para fortalecer a base empreendedora.</p> Leandro Hupalo, Vitor Luiz França Gonçalves Copyright (c) 2024 Leandro Hupalo, Vitor Luiz França Gonçalves https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10322 Sat, 30 Mar 2024 00:00:00 -0300 A percepção da população em relação aos serviços prestados pelo centro de atenção psicossocial no Município de Sumé - Estado da Paraíba https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10437 <p>Trata-se de uma pesquisa exploratória e de natureza quantitativa, que teve por objetivo geral avaliar a percepção da população em relação aos serviços prestados pelo Centro de Atenção Psicossocial no município de Sumé, Estado da Paraíba. Os Centros de Atenção Psicossocial são unidades de saúde local que conta com uma população adscrita definida, oferecendo serviços e ações relativas à saúde mental. Os dados coletados na presente pesquisa demonstram que a Secretaria Municipal de Saúde precisa rever de forma completa, a natureza dos serviços prestados pelo Centro de Atenção Psicossocial, capacitar melhor a equipe profissional que ali exerce suas atividades funcionais, objetivando proporcionar um melhor acolhimento ao usuário, oportunizá-lo serviços de qualidade e que possuam resolutividade.</p> Andréia da Silva Oliveira, José Ozildo dos Santos Copyright (c) 2024 Andréia da Silva Oliveira, José Ozildo dos Santos https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10437 Sun, 31 Mar 2024 00:00:00 -0300 A psicologia organizacional e as interações entre o trabalho e a saúde mental: reflexões na contemporaneidade https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10473 <p>As discussões psicológicas relacionadas a relação entre o trabalho e saúde mental representam<br>eixos investigativos centrais nas contextualizações societárias atuais, dado que permeiam múltiplas variáveis intricadas<br>aos processos do adormecimento físico-psíquico, das formativas de realização pessoal e profissional, atravessando a<br>historicidade sujeitava-coletiva de cada sujeito em suas proposições experienciais. Seguindo tais premissas, o presente<br>estudo discute, através dos pressupostos e contribuições dos aportes psicológicos-organizacionais, sobre as relações<br>entre o trabalho e a saúde mental defronte dos cenários expostos na contemporaneidade, visualizando os potenciais<br>aspectos e dinâmicas multifacetadas intricadas nos processos de realização e sofrimento psíquico nas elaborações<br>ocupacionais atuais. Para tanto, recorreu-se a metodologia de revisão narrativa como principal alternativa de operação<br>argumentativa-organizativa perante da construção integral deste trabalho científico, mantendo acima de tudo, uma<br>postura crítica, flexível e reflexiva perante das contingências estruturais e fomentações da díade trabalho-saúde mental.<br>Associado a isto, valeu-se das contribuições de artigos científicos, capítulos de livro e outras produções acadêmicas<br>relacionadas a temática proposta, seguindo três palavras-chave centrais, sendo elas: Psicologia Organizacional, Trabalho<br>e Saúde Mental, encontradas nas plataformas digitais do Google Acadêmico, Scielo e PePSIC. Sendo assim, exposto as<br>centralidades objetivadas nos eixos direcionais, seguem as demais proposições, discussões e reflexões acerca da<br>preeenre obra, buscando, sobretudo, a lapidação de compreensões e dinâmicas significativas ante das interações entre o<br>trabalho e as acepções em saúde mental, tendo como plano de fundo as esquemáticas contemporâneas.<br>Palavras-chave: Psicologia Organizacional. Trabalho. Saúde Mental. Contemporaneidade.</p> Marcos Vitor Costa Castelhano Copyright (c) 2024 Marcos Vitor Costa Castelhano https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10473 Thu, 25 Apr 2024 00:00:00 -0300 Análise do comportamento da taxa selic durante a pandemia de Covid-19 https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10495 <p>No período pandêmico houve uma desaceleração da economia, o que levou o governo a adotar medidas que facilitassem o crédito na tentativa de aquecer o mercado interno o que refletiu em mudanças nas taxas de juros. Objetivou-se com esse artigo analisar o comportamento da taxa Selic durante a Pandemia de Covid-19. Trata-se de uma pesquisa documental cujos dados foram coletados a partir da plataforma do Banco Central do Brasil, no período de 2020 a 2024. Concluiu-se que a redução da taxa Selic foi uma medida importante para reaquecer a economia no período inicial da pandemia, principalmente durante o lockdown.</p> Bonifácio Benicio de Souza, Emiliane Januário, Aline Carla de Medeiros, Patricio Borges Maracajá Copyright (c) 2024 Bonifácio Benicio de Souza, Emiliane Januário, Aline Carla de Medeiros, Patricio Borges Maracajá https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RBPA/article/view/10495 Mon, 13 May 2024 00:00:00 -0300