Aspectos históricos e geográficos do município de Emas, Estado da Paraíba

  • Rosélia Maria de Sousa Santos UFCG
  • Vivian Patrícia Borba Borges Maracajá FACISA
  • José Ozildo dos Santos UFCG
  • Almair de Albuquerque Fernandes UFCG
  • Iluskhanney Gomes de Medeiros Nóbrega FIP
  • Rafael Chateaubriand de Miranda UFCG
  • Patrício Borges Maracajá UFCG

Resumo

- Município de Emas encontra-se localizado na região Oeste do Estado da Paraíba. Por sua vez, faz parte da Microrregião de Piancó, que integra a Mesorregião Sertão Paraibano. O acesso ao município em descrição, a partir da capital do Estado, é feito através da BR-230 até a cidade de Patos, seguindo pela BR-361. O município de Emas faz parte da região polarizada pela cidade de Patos, principal centro econômico do interior do Estado, que abastece não somente parte do sertão paraibano, bem como vários municípios dos vizinhos estados do Rio Grande do Norte e Pernambuco. Quanto aos recursos minerais, predominam no município os chamados minerais metálicos, que são encontrados em estruturas geológicas muito antigas da era pré-cambriana, a exemplo do ferro, do cobre e alumínio. No que diz respeito à climatologia, o município encontra-se inserido no denominado 'Polígono das Secas', apresentando um clima do tipo semiárido quente e seco. Predomina no referido município a vegetação típica de caatinga xerofítica, de pequeno porte, onde se destacam a presença de cactáceas, arbustos e árvores de pequeno a médio porte. Em termos históricos, a ocupação do território do atual município de Emas, teve início ainda no final do século XVII, promovida por bandeirantes paulistas e baianos, vindos do São Francisco. Registra a tradição local, que no início do século XX, Joaquim Nunes de Gouveia, antigo morador da povoação de Emas, desenvolveu os esforços necessários para a realização da primeira feira na localidade, tendo sido também significativa a sua contribuição ao desenvolvimento urbano da futura cidade. Com parte integrante do município de Piancó, a povoação de Emas figurou até 1959 quando passou a pertencer ao território do recém-criado município de Catingueira. No entanto, naquela época, Emas possui um desenvolvimento semelhante ao apresentado por Santa Terezinha e Condado, que tornaram-se municípios em 1961. E, isto fez com que despertasse na população local o desejo de também se emancipar politicamente. A população começou a mobilizar-se, sob a coordenação dos senhores Aprígio Alves Pereira e Edivaldo Miranda, que encontraram no deputado Antônio Leite Montenegro, o apoio necessário para, inicialmente, transformar a povoação em distrito, e, posteriormente, em cidade. Ainda em finais de 1961, o referido deputado apresentou no plenário da Assembleia Legislativa o projeto, que convertido em lei, elevou a povoação de Emas à categoria de distrito. Posteriormente, o referido distrito foi elevado à condição de município, através da Lei nº 3.115, de 28 de novembro de 1963.

 

Palavras-chave: Município de Emas, Paraíba. Geografia. História.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rosélia Maria de Sousa Santos, UFCG
Professor, diplomado em Gestão Pública, Especialista em Direito Administrativo e Gestão Pública, mestrando em Sistemas Agroindustriais, pela UFCG, Campus de Pombal-PB.
Vivian Patrícia Borba Borges Maracajá, FACISA
José Ozildo dos Santos, UFCG
Almair de Albuquerque Fernandes, UFCG
Iluskhanney Gomes de Medeiros Nóbrega, FIP
Rafael Chateaubriand de Miranda, UFCG
Patrício Borges Maracajá, UFCG
Publicado
2014-02-19
Como Citar
Santos, R. M. de S., Maracajá, V. P. B. B., Santos, J. O. dos, Fernandes, A. de A., Nóbrega, I. G. de M., Miranda, R. C. de, & Maracajá, P. B. (2014). Aspectos históricos e geográficos do município de Emas, Estado da Paraíba. Informativo Técnico Do Semiárido, 8(1), 13 - 39. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/INTESA/article/view/2546
Seção
Artigos