Evitando a poluição do rio piancó em Pombal – PB

  • Francisco Carlos Martins de Almeida
  • Cristina Gladys de Mingareli Nogueira
  • Nalba Sirlene Ferreira Gomes PMP

Resumo

Atualmente, a preocupação com a poluição da água, tem sido uma temática bastante discutida no mundo inteiro e que merece uma análise crítica e reflexiva sobre o assunto. Na cidade de Pombal - PB constata-se um problema dessa natureza, uma vez que o rio Piancó encontra-se bastante poluído devido aos diversos tipos de resíduos sólidos e líquidos que é depositado em seu leito, por meio dos canais de esgotos. Esse rio é de grande importância para a cidade de Pombal, pois o consumo de água da população depende exclusivamente dele. Portanto, buscou-se a necessidade de desenvolver pesquisa a fim de sensibilizar os pombalenses para a preservação do referido rio com o objetivo de conscientizar a população da importância vital da água combatendo a poluição do Rio Piancó, e não jogar lixo nas vias públicas e nas galerias, no sentido de contribuir com a coleta seletiva residencial, que há muito tempo vem poluindo essa fonte de vida. Realizou-se uma pesquisa de campo, utilizando a observação do leito do rio Piancó em seu percurso urbano para coletar os dados, um questionário desenvolvido com alguns moradores da cidade para uma abordagem significativa do problema e também uma pesquisa bibliográfica para um aprofundamento qualitativo sobre o tema. Conclui-se que a poluição do rio Piancó é uma temática que deve ser conscientizada pelas as atitudes de toda população procurando assim minimizar o problema e buscar preservar o rio Piancó.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-01-28
Como Citar
Almeida, F. C. M. de, Nogueira, C. G. de M., & Gomes, N. S. F. (2016). Evitando a poluição do rio piancó em Pombal – PB. Informativo Técnico Do Semiárido, 10(1), 38 - 49. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/INTESA/article/view/3982
Seção
Artigos