Esta é uma versão desatualizada publicada em 2023-07-26. Leia a versão mais recente.

A LITERATURA NA EDUCAÇÃO MÉDICA: NARRATIVA COMO FERRAMENTA DO CUIDADO

Autores

  • Eduardo Guedes Kehrle Filgueira Centro Universitário Santa Maria
  • Cicera Amanda Mota Seabra Centro Universitário Santa Maria
  • Clarissa Drumond Andrade Centro Universitário Santa Maria
  • Rodolfo de Abreu Carolino Centro Universitário Santa Maria

Resumo

Introdução: A medicina é localizada na confluência de várias ciências, mais do que uma ciência propriamente dita. A preocupação corrente sobre o futuro da prática clínica frente aos avanços tecnológicos e a má avaliação dos pacientes acerca da assistência que lhes foi ofertada reforçam a necessidade de habilidades das ciências humanas no cuidado em saúde. Tendo a literatura, as histórias, como elemento estruturador das sociedades, a efetiva prática médica, exigirá do médico uma competência narrativa a partir da adoção da análise textual do discurso daquele de que se cuida. Objetivo: O objetivo deste estudo, então, é identificar a literatura na formação médica como ferramenta para o melhor cuidado. Metodologia: Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de caráter exploratório utilizando de fontes secundárias, como livros de leitura correntes, livros de referência, artigos de periódicos e obras de estudo. Resultados: identificou-se que os mecanismos clínicos e educacionais  tornam a literatura uma ferramenta para a melhoria do cuidado médico. Além disso, destaca-se a importância da competência do médico em ser consciente e judicioso, baseando-se nas melhores evidências e utilizando os recursos tecnológicos mais adequados e disponíveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2023-07-26

Versões

Como Citar

Eduardo Guedes Kehrle Filgueira, Cicera Amanda Mota Seabra, Clarissa Drumond Andrade, & Rodolfo de Abreu Carolino. (2023). A LITERATURA NA EDUCAÇÃO MÉDICA: NARRATIVA COMO FERRAMENTA DO CUIDADO. Informativo Técnico Do Semiárido, 17(2), 989–10000. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/INTESA/article/view/9860

Edição

Seção

Artigos