IDENTIFICAÇÃO DE MUNICÍPIOS HOMOGÊNEOS QUANTO A AMEAÇAS AMBIENTAIS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO POR TWO STEP CLUSTER

  • Giovani Glaucio Costa Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
Palavras-chave: Cidades cariocas. Danos naturais. Subperfis. Two step cluster.

Resumo

O objetivo deste artigo é prosseguir nas análises estatísticas das ameaças ambientais no Estado do Rio de Janeiro promovida pela Defesa Civil. Este estudo se propõe a utilizar a técnica de análise multivariada two step cluster para obtenção de municípios do estado do Rio de Janeiro homogêneos quanto às ameaças ambientais. Com base nos dados do “Mapa de Ameaças Naturais, será montada a base de dados ou o espaço de análise do estudo. Os 92 municípios do Estado do Rio de Janeiro foram agrupados em clusters que seriam semelhantes internamente quanto a prevalências de ameaças ambientais. Os resultados da análise sugeriram três grupos homogêneos de municípios por ameaças ambientais. O cluster 1 agrupa 23,91% dos municípios do Rio de Janeiro, o cluster 2 retém 26,09% das cidades do estado e o cluster 3 aglomera a metade dos municípios (50%). Portanto, há evidências, pelo estudo realizado, que os municípios do Rio de Janeiro têm prevalências diferenciadas de ameaças ambientais. Com o perfil de cada cluster e os constituintes de cada grupo homogêneo, as autoridades podem implementar medidas preventivas personalizadas a cada cluster e evitar com maior potencialidade novas tragédias.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-01-01
Seção
Artigos