CARACTERIZAÇÃO PLUVIOMÉTRICA, PRECIPITAÇÕES MÁXIMAS E BALANÇO HÍDRICO PARA DIFERENTES REGIMES PLUVIOMÉTRICOS EM MESOREGIÕES DE PERNAMBUCO

  • Iug Lopes UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO
  • Juliana Maria Medrado de Melo1
  • Abelardo Antônio Assunção Montenegro
  • Miguel Júlio Machado Guimarães
  • Breno Lopes
  • Brauliro Gonçalves Leal

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo analisar o ajuste dos dados de precipitação máxima anual à distribuição de extremos de Gumbel, estimar as precipitações máximas anuais para os períodos de retorno, identificar, por meio da técnica de Quantis, o perfil da precipitação e a sua variabilidade temporal e espacial, além da realização do balanço hídrico para as classes quantílicas em diferentes mesorregiões de Pernambuco. O maior valor de precipitação anual registrado na região do Sertão foi de 1275,7 mm, o menor de 156,1 mm para os anos de 1985 e 1993, respectivamente. Já na região Agreste, o ano 2010 foi o ano mais chuvoso, com 1446 mm, e 2015 o ano mais seco, com apenas 362,2 mm. Na região litorânea, os anos de 2004, com 2532,7 mm, e de 1998, com 1249,7 mm, foram os que apresentaram maior e menor precipitação anual, respectivamente. Com a técnica de Quantis observa-se observar que as séries históricas estudadas possuem precipitações anuais médias Q(0,50) de 524,2; 863,9 e 2296,9 mm, para Cabrobó, Garanhuns e Recife, respectivamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABREU, M. C.; TONELLO, K. C. Estimate of the water balance of the Sorocaba river watershed - SP. Ambiência, v. 11, p. 513-527, 2015.

AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS – ANA. Conjuntura dos recursos hídricos no Brasil: Informe 2016. Brasília, 2017. p.434.

ALMEIDA, H. A.; FREITAS, R. C.; SILVA, L. Determinação de períodos secos e chuvosos em duas microrregiões da Paraíba através da técnica dos quantis. Revista de Geografia, v. 30, n. 1, p. 217-232, 2013.

AMORIM NETO, M. S. A. Balanço hídrico segundo Tornthwaite e Mather (1955). Comunicado Técnico Embrapa, n. 34, p. 1-89, 1989.

ARAÚJO, L. E.; SILVA, D. F.; MORAES NETO, J. M.; SOUSA, F. A. S. Análise da variabilidade espaço-temporal da precipitação na bacia do Rio Paraíba usando IAC. Revista de Geografia, v. 24, n. 1, p. 47-59, 2007.

BARBOSA, V. V.; SOUZA, W. M.; GALVÍNCIO, J. D.; COSTA, V. S. O. Analysis of climate variability in the city of Garanhuns, Pernambuco - Brazil. Revista Brasileira de Geografia Física, v. 9, p. 353-367, 2016.

CABRAL, J. S. P. BRAGA, R. A.P.; MONTENEGRO, S. M. G.; CAMPELLO, M. S. C.; FILHO LOPES, S. Brejos de Altitude em Pernambuco e Paraíba. Historia Natural, Ecologia e Conservação. Recursos Hídricos e os Brejos de Altitude. Capítulo 4. Série Biodiversidade 9. Brasília: Ministério do Meio Ambiente, 2004.

CEMADEN. Situação Atual da Seca no Semiárido brasileiro e Impactos. São Paulo-SP. 2017. 9 p.

DANTAS, R. T.; OLIVEIRA, F. M.; LIRA, V. M.; SOUZA, W.M. Avaliação das alterações de elementos meteorológicos em Recife-PE no período de 1961 a 2000. Sociedade & Natureza (UFU. Online), v. 20, p. 67-74, 2008.

FARIAS, R. F. L.; ALVES, K. M. A. S.; NÓBREGA, R. S. Climatologia de ocorrência de eventos extremos de precipitação na mesorregião do Sertão Pernambucano. Revista Geonorte, Edição Especial 2, v. 1, n. 5, p.930-941, 2012.

FERREIRA, D. F. Programa de análises estatísticas (statistical analysis software) e planejamento de experimentos – SISVAR 5.0 (Build 67). Lavras: DEX/UFLA, 2003

GUIMARAES, M. J. M.; LOPES, I. ; SILVA, W. P. ; SILVA, A. S. . Estudo das precipitações máximas para o município de Cruz das Almas/BA. Magistra, v. 27, p. 326-332, 2016.

GUMBEL, E.J. Statistical of Extremes. New York: Columbia University Press, 1958. 375 p.

IDE, A. K.; ANDRADE, M. C. K. Impactos da perenização do Riacho Terra Nova na agricultura irrigada do município de Cabrobó/PE. Caderno Meio Ambiente e Sustentabilidade v.10, n.6, 2017.

LOPES, I.; LEAL, B. G. Índice de aridez e tendência a desertificação para estações meteorológicas nos Estados da Bahia e Pernambuco. Revista Brasileira de Climatologia, v. 17, p. 158, 2015.

LOPES, I.; LEAL, B. G. L. Software para o cálculo do balanço hídrico de Thornthwaite. Juazeiro, 2016.

MONTENEGRO, A.A.A.; ABRANTES, J.R.C.B.; LIMA, J.L.M.P.; SINGH, V.P.; SANTOS, T.E.M. Impact of mulching on soil and water dynamics under intermittent simulated rainfall. Catena, v.109, p.139–149, 2013.

MORAES, M. F. Estimativa do balanço hídrico na bacia experimental/representativa de Santa Maria/Cambiocó - Município de São José de Ubá - RJ. Tese Doutorado (COPPE) Rio de Janeiro: UFRJ. 2007. 251p.

MOURA, M. S. B.; GALVINCIO, J. D.; BRITO, L. T. L.; SOUZA, L. S. B.; SÁ, I. I. S. SILVA, T. G. F. Clima e água de chuva no semiárido. In: Potencialidades da água da chuva no semi-árido brasileiro. Petrolina: EMBRAPA, 2007.

NÓBREGA, R.S., FARIAS, R..F.L.; SANTOS, C.A. C. Variabilidade temporal e espacial da precipitação pluviométrica em Pernambuco através de índices de extremos climáticos. Revista Brasileira de Meteorologia, v.30, n.2, 171 - 180, 2015.

OLIVEIRA, G. C. S.; NÓBREGA, R. S.; ALMEIDA, H. A. Perfil socioambiental e estimativa do potencial para captação de água da chuva em Catolé de Casinhas, PE. Revista de Geografia, v. 29, p. 75-90, 2012.

QUEIROZ, A. T.; ASSUNÇÃO, W. L. Análise geoestatística das precipitações na Fazenda Letreiro (Uberlândia-MG). Brazilian Geographical Journal: Geosciences and Humanities research medium, v. 4, n. 2, p. 448-476, 2013.

RAMOS, C. M. C.; SILVA, A. F.; SARTORI, A. A. C.; ZIMBACK, C. R. L.; BASSOI, L. H. Modelagem da variação horária da temperatura do ar em Petrolina, PE, e Botucatu, SP. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 15, n. 9, p. 959-965, 2011.

ROLIM, G. S.; SENTELHAS, P. C.; BARBIERI, V. Planilhas no ambiente EXCELTM para os cálculos de balanços hídricos: normal, sequencial, de cultura e de produtividade real e potencial. Revista Brasileira de Agrometeorologia, v. 6, n. 1, p. 133-137, 1998.

SANTOS, M. M.; CAETANO-CHANG, M. R.; CHANG, H.K. Análise do balanço hídrico climatológico do sistema Aquífero Guarani, em sua área de afloramentos no Estado de São Paulo. Revista Brasileira de Climatologia, v. 10, p. 153-170, 2012.

SANTOS, W. O.; MESQUITA, F. O.; BATISTA, B. D. O.; BATISTA, R. O. ALVES, A. S. Precipitações máximas para o município de Mossoró de 1964 a 2011 pela distribuição de Gumbel. Irriga, v. 9, n.2, p.207-213, 2014.

SILVA, A. O.MOURA, G. B. A.KLAR, A. E. Classificação climática de thornthwaite e sua aplicabilidade agroclimatológica nos diferentes regimes de precipitação em Pernambuco. Irriga, v.19, p. 46-60, 2014.

SILVA, A. O.; MOURA, G. B. A.; SILVA, E. F. F.; LOPES, P. M. O; SILVA, A. P. N. Análise espaço-temporal da evapotranspiração de referência sob diferentes regimes de precipitações em Pernambuco. Revista Caatinga, Mossoró, v.24, n.2, p.135-142, 2011.

SILVA, G.E.S., MONTENEGRO, S.M.G.L.; CAVALCANTI, G.L.; COSTA, L.M.; MONTENEGRO, A.A.A. Aplicação e Modelagem da Recarga Artificial com Águas Pluviais para Recuperação Potenciométrica de Aqüífero Costeiro na Planície do Recife-PE, Revista Brasileira de Recursos Hídricos, v.11, n.3, p.159-170, 2006.

SOUZA, R. M. S.; SOUZA, E. S.; ANTONINO, A. C. D.; LIMA, J.R.S. Balanço hídrico em área de pastagem no semiárido pernambucano. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 19, p. 449-455, 2015.

THORNTHWAITE, C.W. Na approach toward a rational classification of climate. Geographical Review, v. 38, p. 55-94, 1948.

THORNTHWAITE, C.W.; MATHER, J.R. The water balance. Publications in climatology. Laboratory of Climatology, New Gersey, v.8, 1955, 104p.

WMO. Calculation of monthly and annual 30-year standard normals, WCDP No. 10, WMOTD No. 341. World Meteorological Organization, Geneva. 1989.

XAVIER, T. de M. B. S. Tempo de chuva: estudos climáticos e de previsão para o Ceará e Nordeste setentrional. Fortaleza: ABC Editora, 2001. 478p.

XAVIER, T.M.B.S.; XAVIER, A.F.S. Classificação e Monitoração de Períodos Secos ou Chuvosos e Cálculo de Índices Pluviométricos para a Região Nordeste do Brasil. Revista Brasileira de Engenharia - Caderno de Recursos Hídricos, v. 5, n. 2, p. 7-31, 1987.

Publicado
2017-12-29
Como Citar
Lopes, I., Maria Medrado de Melo1J., Antônio Assunção Montenegro, A., Júlio Machado Guimarães, M., Lopes, B., & Gonçalves Leal, B. (2017). CARACTERIZAÇÃO PLUVIOMÉTRICA, PRECIPITAÇÕES MÁXIMAS E BALANÇO HÍDRICO PARA DIFERENTES REGIMES PLUVIOMÉTRICOS EM MESOREGIÕES DE PERNAMBUCO. Revista Brasileira De Agrotecnologia, 7(3), 020-033. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/REBAGRO/article/view/5557
Seção
Artigos