Potenciais agentes de controle biológico de plantas espontâneas em agroecossistemas no estado do Paraná

Authors

  • Henrique von Hertwig Bittencourt Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Gilmar Franzener Universidade Federal da Fronteira Sul

Abstract

Esta revisão de literatura teve como um dos objetivos realizar o levantamento de agentes de controle biológico aplicado utilizados no manejo de algumas das principais espécies de plantas espontâneas que ocorrem nos agroecossistemas do estado do Paraná. No total foram levantadas 36 espécies diferentes que controlaram 5 espécies de plantas espontâneas: picão-preto (Bidens pilosa), flor-roxa (Echium plantagineum), guanxuma (Sida rhombifolia), grama-seda (Cynodon dactylon) e leiteiro (Euphorbia heterophylla). Outro objetivo foi registrar a ocorrência de controle biológico natural de leiteiro (E. heterophylla) em lavouras de soja pelo mandarová (Erinnyis ello), na região Sudoeste do Paraná. Apesar da inexistência de registros de programas de controle biológico de plantas espontâneas o Brasil conta com grande potencial para o desenvolvimento de trabalhos nesta área importante para a expansão da agricultura orgânica.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Henrique von Hertwig Bittencourt, Universidade Federal da Fronteira Sul

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005), especialização em Controle Biológico pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (2011) e mestrado em Agroecossistemas pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008). Atuou como professor na Universidade Federal de Santa Catarina nos cursos de Agronomia, Aquicultura e Zootecnia (2007-2008). Foi pesquisador da área de Fitotecnia do Instituto Agronômico do Paraná, atuando no programa Sistemas de Produção (2008-2011). Desde 2011 é professor assistente da Universidade Federal da Fronteira Sul. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Fitotecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: Agroecologia, Agricultura Orgânica, Sistemas de Produção, Manejo de Plantas Espontâneas e Culturas de Cobertura do Solo.

Gilmar Franzener, Universidade Federal da Fronteira Sul

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (2001), mestrado em Agronomia pela mesma instituição (2005) e doutorado em Proteção de Plantas pela Universidade Estadual de Maringá (2011). Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Federal da Fronteira Sul. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Agroecologia, atuando principalmente nos seguintes temas: fitopatologia, manejo ecológico de pragas e doenças em plantas, plantas bioativas em agroecossistemas, plantas medicinais, indução de resistência em plantas, microbiologia agrícola, atividade antimicrobiana e diagnose de doenças em plantas.

Published

30-05-2014

How to Cite

VON HERTWIG BITTENCOURT, H.; FRANZENER, G. Potenciais agentes de controle biológico de plantas espontâneas em agroecossistemas no estado do Paraná. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 8, n. 5, p. 157–162, 2014. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/2010. Acesso em: 22 jun. 2024.