Garantia da qualidade no processamento de alimentos orgânicos

  • Elga Batista da Silva UFRRJ
  • Aylla Roberta da Silva Victer Ferreira Uezo
  • Kamila de Oliveira do Nascimento UFRRJ
  • Elisa Rocha UFRRJ
  • Maria Ivone Jacintho Barbosa UFRRJ

Abstract

Os produtos orgânicos devem seguir normas específicas para que sejam assim classificados. O objetivo desse trabalho foi discutir aspectos fundamentais para a garantia da qualidade de produtos orgânicos processados. A elaboração de produtos orgânicos processados envolve várias dificuldades tecnológicas e legais, relacionadas a aspectos como proibição de aditivos em geral, busca pela certificação e riscos de contaminação cruzada com resíduos de matérias primas não orgânicas. Apesar dessas dificuldades, vantagens podem como a obtenção de alimentos com menor risco de acarretar efeitos deletérios à saúde (como câncer e alergias), preservação de ecossistemas e teores expressivos de nutrientes pode ser obtidas. Também é importante atestar que alimentos orgânicos industrializados sejam realmente isentos de resíduos de matérias primas convencionais a partir de análises sensíveis o bastante para essa finalidade. Conclui-se que o processamento industrial de orgânicos é uma área promissora, pois possibilita a elaboração de produtos alimentícios com diversos benefícios, de ordens nutricional e ambiental.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Elga Batista da Silva, UFRRJ

Docente da Unisuam (RJ)

M.Sc. e Doutoranda em Ciência e Tecnologia de Alimentos (UFRRJ)

Especialista em Segurança Alimentar e Qualidade Nutricional (IFRJ)

 

Aylla Roberta da Silva Victer Ferreira, Uezo
Curso de Graduação em Engenharia de Produção (Uezo)
Kamila de Oliveira do Nascimento, UFRRJ
M.Sc. e Doutoranda em Ciência e Tecnologia de Alimentos (UFRRJ)
Elisa Rocha, UFRRJ
Docente do Programa de Pós Graduação em  Ciência e Tecnologia de Alimentos (UFRRJ)
Maria Ivone Jacintho Barbosa, UFRRJ
Docente do Programa de Pós Graduação em  Ciência e Tecnologia de Alimentos (UFRRJ)
Published
2014-05-12
Section
LITERATURE REVIEW