MODELAGEM MATEMÁTICA DA CINÉTICA DE SECAGEM DA CASCA DE UMBU-CAJÁ

  • Ana Raquel carmo de Lima Universidade Federal de Campina Grande
  • Francislaine Suelia Dos Santos Universidade Federal de Campina Grande
  • Raphaela Maceió da Silva Universidade Federal da Paraíba
  • Daniela Dantas Farias Leite Universidade Federal de Campina Grande
  • Rossana Maria Feitosa de Figeuredo Universidade Federal da Paraíba

Resumo

Objetivou-se com este trabalho determinar as curvas de cinética de secagem das cascas do umbu-cajá nas temperaturas de 60, 70 e 80 °C em estufa com circulação forçada de ar e ajustar diferentes modelos matemáticos (Exponencial de Dois Termos, Henderson e Pabis, Logarítmico, Midilli, Page e Thompson) aos dados experimentais. Para determinar qual o melhor modelo ajustado foram avaliados os coeficientes de determinação (R2), os desvios quadráticos médios (DQM) e a distribuição dos resíduos (DR). As cascas apresentaram teor de água inicial de 83,60% b.u. e final em equilíbrio higroscópico de 10,96% na temperatura de 60 °C; 9,60% em 70 °C e 8,65% em 80 °C. De maneira geral o modelo de Page foi o que melhor se ajustou aos dados experimentais das cinéticas de secagem, apresentando R2 ≥ 0,9986, DQM ≤ 0,0177 e DR aleatória em todas as temperaturas avaliadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Raquel carmo de Lima, Universidade Federal de Campina Grande
Ana Raquel Carmo de Lima, engenheira de Alimentos pela Universidade Federal da Paraíba, mestre em Ciencia e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal da Paraíba e doutorandapelo progama de pós-graduação em Engenharia de Processos, Centro de Ciência e Tecnologia, Universidade Federal de Campina Grande
Francislaine Suelia Dos Santos, Universidade Federal de Campina Grande

Engenheira Agrônoma, mestranda em Engenharia Agrícola, CTRN/UFCG, Campina Grande-PB

Raphaela Maceió da Silva, Universidade Federal da Paraíba
Engenheira Agrônoma, doutoranda em Engenharia Agrícola, CTRN/UFCG, Campina Grande-PB
Daniela Dantas Farias Leite, Universidade Federal de Campina Grande
Engenheira Agrônoma, doutoranda em Engenharia Agrícola, CTRN/UFCG, Campina Grande-PB
Rossana Maria Feitosa de Figeuredo, Universidade Federal da Paraíba
Prof.Dr.Unidade Acadêmica de Engenharia Agrícola, CTRN/UFCG, Campina Grande-PB
Publicado
2017-11-23
Como Citar
carmo de Lima, A. R., Dos Santos, F. S., da Silva, R. M., Farias Leite, D. D., & Feitosa de Figeuredo, R. M. (2017). MODELAGEM MATEMÁTICA DA CINÉTICA DE SECAGEM DA CASCA DE UMBU-CAJÁ. Revista Brasileira De Agrotecnologia, 7(2), 97-103. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/REBAGRO/article/view/5125
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)