APLICAÇÃO DE FERRAMENTAS DA QUALIDADE NO CONTROLE DE PERDAS NA ETAPA DE ENCHIMENTO DO PROCESSO PRODUTIVO DE UMA INDÚSTRIA DE BEBIDAS DE PEQUENO PORTE

  • Claudia Valéria de Araújo Silva Universidade Federal Rural de Pernambuco/ Unidade Acadêmica de Garanhuns
  • André Felipe de Melo Santos Sales Universidade Federal Rural de Pernambuco/ Unidade Acadêmica de Garanhuns

Resumo

O objetivo deste trabalho foi estudar, definir e propor melhorias no processo de envase de bebidas em uma indústria da cidade de Garanhuns – PE, utilizando-se ferramentas da qualidade: folha de verificação, gráfico de Pareto e diagrama de Ishikawa. O método utilizado foi o estudo de caso, tendo caráter descritivo, exploratório e explicativo. Após o acompanhamento da linha de produção, pôde-se analisar os dados, através das ferramentas da qualidade, e observar que o principal problema relacionado à linha de envase foi a quantidade de garrafas sujas, ocorrendo com maior frequência (80,8%). Esta falha evidenciou a necessidade de retrabalho, representando-se um custo de falha interna. A principal sugestão encontrada para o problema foi à adesão de inspetores eletrônicos após a lavagem das garrafas. A utilização da gestão da qualidade e outras técnicas de melhoria contínua podem significar rápidas mudanças e baixo investimento, reduzindo-se desperdícios e aumento da produtividade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudia Valéria de Araújo Silva, Universidade Federal Rural de Pernambuco/ Unidade Acadêmica de Garanhuns
Engenharia de alimentos
André Felipe de Melo Santos Sales, Universidade Federal Rural de Pernambuco/ Unidade Acadêmica de Garanhuns
Professor Doutor na UAG/UFRPE no curso de Engenharia de Alimentos.

Referências

Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação – ABIA (2016). Disponível em <http://www.abia.org.br/vsn/tmp_2.aspx?id=319#sthash.3jypIBCV.dpbs>. Acesso em 25 de Abril de 2017.

CERVIERI JÚNIOR, Osmar et. al. O setor de bebidas no Brasil. BNDES Setorial, Rio de Janeiro, n. 40, 2014.

CERVESIA. Soluções e tecnologias cervejeira e gestão de processo. Disponível em < https://www.cervesia.com.br/envasamento/34-controles-no-envasamento-de-garrafas.html>. Acesso em 01 de Agosto de 2017.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social / Antonio Carlos Gil. - 6. ed. - São Paulo : Atlas, 2008.

LANCOROVICI, Laís Simões. Redução do tempo de setup de uma linha de envase de bebidas: Um estudo de caso. 70 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia de Produção) - Fundação de Ensino “Eurípides Soares da Rocha”, mantenedora do Centro Universitário Eurípides de Marília –UNIVEM, Marília, 2013.

LIMA, Gabriel Cícero. Aplicação de ferramentas de análise de desperdícios, utilizando metodologia DMAIC, por meio de um estudo de caso em uma indústria alimentícia. 2016. 52 f. Trabalho de Curso. (Bacharelado em Engenharia de Produção) – Centro Universitário Eurípides de Marília, Fundação de Ensino “Eurípides Soares da Rocha”, Marília, 2016.

PINTO, Filipa de Paula; PEREIRA, Castro. Melhoria Operacional de Equipamentos. 45 f. Dissertação – Faculdade de Engenharia do Porto, Portugal. 2017.

SILVA, Claudia Valéria de Araújo. AVALIAÇÃO DAS BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO EM UMA INDÚSTRIA DE BEBIDAS DE PEQUENO PORTE. 50 f. Estágio Supervisionado Obrigatório – Universidade Federal Rural de Pernambuco, Garanhuns – PE, 2017.

SOUZA, Ana Luiza Lima dos et al. Linha de Envase de Cerveja Retornável-Problemas que Geram Insatisfação do Consumidor-Aplicação do Método QC Story na Busca de Solução. Sistemas & Gestão, v. 9, n. 4, p. 466-478, 2014.

VIEIRA, Sônia.. Introdução à bioestatística [recurso eletrônico]. 4ª Ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008. 357 p.

ZONATTO, Vinícius Costa da Silva et. al. Gestão da Qualidade e Desperdícios: Uma abordagem sobre o tempo produtivo perdido. ABCustos, v. 10, n. 3, 2016.

Publicado
2017-11-23
Como Citar
de Araújo Silva, C. V., & Santos Sales, A. F. de M. (2017). APLICAÇÃO DE FERRAMENTAS DA QUALIDADE NO CONTROLE DE PERDAS NA ETAPA DE ENCHIMENTO DO PROCESSO PRODUTIVO DE UMA INDÚSTRIA DE BEBIDAS DE PEQUENO PORTE. Revista Brasileira De Agrotecnologia, 7(2), 322-328. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/REBAGRO/article/view/5203
Seção
Artigos