Cuidados em enfermagem aplicado a moradores de rua: Uma revisão integrativa da literatura

Palavras-chave: Cuidados paliativos, Moradores de rua, Doenças, Enfermagem, Prevenção

Resumo

Resumo: A enfermagem se destaca no processo de busca ativa de um atendimento qualificado e, além disso, promove a produção de práticas de enfermagem adequadas à situação real de cada usuário. Por sua vez os sem-teto fazem parte de um grupo heterogêneo de pessoas que usam locais públicos ou unidades de recepção para passar a noite ou ganhar a vida e compartilham as características comuns de pobreza, desagregação familiar e falta de moradia. O objetivo do estudo foi identificar as atividades da vida diária dos moradores de rua com dependência de cuidados de enfermagem. Trata-se pela revisão da literatura do tipo integrativa. O intervalo de data de publicação definido para a seleção dos estudos foi definido em: pesquisas publicadas nos últimos dez anos, ou seja, aqueles publicados entre 2015 e 2019. Os resultados com maior observação em relação a atenção dos cuidados dos enfermeiros foram (1) alimentação, devido consumo irregular de nutrientes básicos que promove um estado de desnutrição permanente; (2) a doença mental; (3) as infecções; (4) higiene; (5) o reconhecimento da moradia enquanto fator determinante para a saúde de uma população; (6) políticas públicas de assistência social. Portanto, é necessário desenvolver, verificar e adotar novos métodos diretos ou indiretos e incorporá-los à prática de locais que atendem ao grupo. Portanto, é necessário conhecer sua realidade e entender suas necessidades e potencial.

Referências

ALMEIDA, D.V; OLIVEIRA K.F; OLIVEIRA, J.F; PIRES, Nélia Luciana; FILGUEIRA, V.S.A. Diagnósticos de enfermagem mais frequentes em pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva Coronariana. Arq Med Hosp Fac Cienc Med Santa Casa. v.58, n.2, p.64-69. 2018. Disponível em: http://arquivosmedicos.fcmsantacasasp.edu.br/index.php/AMSCSP/article/view/225. Acesso em: 23jul.2020.

ANTUNES, Clara Maria Conde; ROSA, Anderson Silva; BRÊTAS, Ana Cristina Passarella. Da doença estigmatizante à ressignificação de viver em situação de rua. Revista Eletrônica de Enfermagem, v. 18, 2016.

BRASIL. Secretaria Nacional de Renda e Cidadania e Secretaria Nacional de Assistência Social Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – MDS. Orientações Técnicas: Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua, Brasília, 2011.

DE CARVALHO, Maria Das Graças Freitas et al. Saúde em movimento: A participação de estudantes da área da saúde no Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST). In: 12º Congresso Internacional da Rede Unida. 2016.

DA SILVA GOMES, Josiane et al. Aplicação do modelo de Roper, Logan e Tierney com pessoas em situação de rua. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental, p. 238-245, 2020.

FIGUEIREDO, Amélia Simões et al. Transições familiares para a situação de sem-teto: uma abordagem qualitativa. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 73, n. 5, 2020.

HINO, Paula; DE OLIVEIRA SANTOS, Jaqueline; DA SILVA ROSA, Anderson. Pessoas que vivenciam situação de rua sob o olhar da saúde. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 71, 2018.

KUNZ, Gilderlândia Silva; HECKERT, Ana Lucia; CARVALHO, Silvia Vasconcelos. Modos de vida da população em situação de rua: inventando táticas nas ruas de Vitória/ES. Fractal: Revista de psicologia, v. 26, n. 3, p. 919-942, 2014.

PULGA, Vanderléia Laodete et al. A EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE NO FORTALECIMENTO DA EQUIDADE EM FAMÍLIAS URBANAS. In: 12º Congresso Internacional da Rede Unida. 2016.

SILVA, H.S; GUTIERREZ, B.A.O. Dimensões da qualidade de vida de idosos moradores de rua do município de São Paulo. Saúde soc. v.22, n.1, p.148-159. 2013. Disponível em: http:// www.scielo.br/pdf/sausoc/v22n1/14.pdf. Acesso em: 23jul.2020.

SOUZA, M. T.; SILVA, M. D.; CARVALHO, R. de. Revisão integrativa: o que é e como fazer. Einstein, v. 8, p. 102-106, 2010.

Publicado
2021-09-06
Como Citar
da Silva, P. F., Caminha, K. J. T., dos Santos, G. A., Dantas, G. P., de Souza, F. D., & Nóbrega, L. G. S. (2021). Cuidados em enfermagem aplicado a moradores de rua: Uma revisão integrativa da literatura. Revista Brasileira De Educação E Saúde, 11(2), 166-169. https://doi.org/10.18378/rebes.v11i2.8313
Seção
Artigos