Composição florística e estrutural de um componente arbóreo em área de cerrado, Paranã-TO

  • A. B. M. L. Rêgo Universidade Federal do Tocantins - UFT
  • P. B. Souza
  • R. R. Silva
  • P. L. Rêgo

Abstract

O Cerrado Brasileiro apresenta uma enorme diversidade de fitofisionomias divididas em formações florestais, savânicas e campestres. Com o objetivo de estudar a composição florística e estrutural de um fragmento de cerrado sensu stricto, a fim de fornecer subsídios para conservação e manejo adequado de áreas similares. Foram instaladas sistematicamente quatro parcelas de 25x100m, sendo que as mesmas foram distanciadas 25 m entre si, perfazendo um total de 1,0 hectare de área amostral. No interior das parcelas, foram amostrados todos os indivíduos arbustivo-arbóreos, com circunferência a 1,30m do solo (CAP) maior ou igual a 15 cm. Para obtenção dos parâmetros fitossociológicos densidade relativa (DR), densidade absoluta (DA), dominância absoluta (DoA), dominância relativa (DoR), frequência absoluta (FA), frequência relativa (FR), índice de valor de importância (IVI), índice de valor de cobertura (IVC), índice de diversidade de Shannon (H’) e Pielou (J). Foram amostrados 245 indivíduos, distribuídos em 29 espécies, 29 gêneros pertencentes a 20 famílias, o que corresponde a uma área basal total de 1,94 m².ha-1 e densidade absoluta estimada de 327 ind.ha-1. As espécies que apresentaram maiores valores de (IVI) foram Qualea parviflora (38,45%), Curatella americana (34,53%), Byrsonima verbascifolia (32,20%), Psidium incanescens (31,89%), Pterodon emarginatus (18,62%) e Anachardium humile (18,34%). Qualea parviflora foi a espécie mais representativa dentro do componente arbóreo o que se conclui aos altos valores de densidade e dominância nos estratos.

Floristic composition and structural components of a tree in closed area in the municipality of Parana-Tocantins

Abstract: The Brazilian Cerrado presents a huge diversity of vegetation types divided into forests, savannas and country. In order to study the floristic and structural composition of a cerrado fragment in order to provide subsidies for conservation and proper management of similar areas. Systematically they were installed four installments of 25x100 m, being that they were spaced 25 m apart, totaling 1.0 hectare sample area. Inside the plots were sampled every shrub and individual trees with circumference at 1.30 m soil (CAP) greater than or equal to 15 cm. To obtain the Phytosociological relative density parameters (DR), absolute density (DA), absolute dominance (DoA), relative dominance (DoR), absolute frequency (AF), relative frequency (RF), importance value index (IVI) Coverage value index (CVI), Shannon diversity index (H ') and Pielou (J). We sampled 245 individuals belonging to 29 species, 29 genera belonging to 20 families, which corresponds to a basal area of 1.94 m².ha-1 and estimated absolute density of 327 ind.ha-1. The species showing higher values of (IVI) were Qualea parviflora (38.45%), American Curatella (34.53%), Byrsonima verbascifolia (32.20%), Psidium incanescens (31.89%), Pterodon emarginatus (18.62%) and Anachardium humile (18.34%). Qualea parviflora was the most representative species within the arboreal component which is concluded to high density values and dominance in the strata.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biography

A. B. M. L. Rêgo, Universidade Federal do Tocantins - UFT
Graduada em Tecnologia de Gestão do Agronegócio pela Faculada do Bico do Papagaio (FABIC) e Mestranda no Curso de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), possui conhecimento na área de Produção de Mudas e Viveiros Florestais, bem como Economia Florestal.
Published
2015-12-31
How to Cite
RÊGO, A. B. M. L.; SOUZA, P. B.; SILVA, R. R.; RÊGO, P. L. Composição florística e estrutural de um componente arbóreo em área de cerrado, Paranã-TO. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, v. 10, n. 5, p. 108 - 114, 31 Dec. 2015.