ATRATIVIDADE DE SUBSTÂNCIAS ALIMENTARES SOBRE A MOSCA MINADORA Liriomyza sativae (DIPTERA: AGROMYZIDAE) E AO SEU PARASITÓIDE Opius sp. (HYMENOPTERA: BRACONIDAE)

Authors

  • Luan Ítalo Rocha UFERSA
  • Carlos Henrique Nogueira UFERSA
  • Ewerton Marinho Costa UFERSA
  • Joseph Jonathan Oliveira UFERSA
  • Elton Lucio Araujo UFERSA

Abstract

O objetivo deste trabalho foi avaliar a atratividade de quatro substâncias alimentares sobre a mosca minadora Liriomyza sativae e ao seu parasitóide Opius sp. As substâncias avaliadas foram: água, suco de melão puro, mel à 10% e proteína hidrolisada de milho à 5%. O delineamento experimental utilizado foi o Inteiramente Casualizado (DIC), composto por 60 repetições, sendo 30 machos e 30 fêmeas. As avaliações foram visuais, sendo observado o número de visitas realizado em cada tratamento (alimento) e o tempo de duração da alimentação. Após as avaliações verificou-se que o mel à 10% foi o alimento mais atrativo em relação ao número de visitas e ao tempo de alimentação tanto para mosca minadora quanto para o parasitóide. Opius sp. O suco de melão puro foi o segundo alimento mais atraente a mosca minadora. A água e a proteína hidrolisada foram os atrativos menos atraentes aos adultos destes dois insetos. Portanto o uso do suco de melão puro associado a inseticidas pode ser uma alternativa promissora no manejo integrado desta praga na cultura do meloeiro.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biography

Joseph Jonathan Oliveira, UFERSA


Published

21-10-2010

How to Cite

ROCHA, L. Ítalo; NOGUEIRA, C. H.; COSTA, E. M.; OLIVEIRA, J. J.; ARAUJO, E. L. ATRATIVIDADE DE SUBSTÂNCIAS ALIMENTARES SOBRE A MOSCA MINADORA Liriomyza sativae (DIPTERA: AGROMYZIDAE) E AO SEU PARASITÓIDE Opius sp. (HYMENOPTERA: BRACONIDAE). Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 5, n. 5, p. 88–93, 2010. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/475. Acesso em: 29 may. 2024.

Most read articles by the same author(s)