Avaliação das condições higiênico-sanitárias de frigoríficos do sertão paraibano

  • Romildo Pinheiro Dantas Universidade Federal de Campina Grande
  • Everton Vieira da Silva Universidade Federal de Campina Grande
  • Yaroslávia Ferreira Paiva Universidade Federal de Campina Grande
  • Thamyres Cesar de Albuquerque Sousa Universidade Federal de Campina Grande
  • Moisés Sesion de Medeiros Neto
Palavras-chave: oferta, produtos cárneos, comercialização, controle de qualidade, inspeção sanitária.

Resumo

O mercado de carne está cada vez mais competitivo e complexo no que se refere ao requisito vida útil do produto final, além do rigoroso controle higiênico-sanitário e da demanda por diversificação e agregação de valor aos produtos. O objetivo desse trabalho foi avaliar as condições higiênico-sanitárias da comercialização de carnes em frigoríficos no sertão paraibano; em que foi seguido como recomendações a resolução RDC N°275/2002 da ANVISA. Foi aplicado um questionário estruturado com questões fechadas (check list) aos manipuladores, como também aos donos dos estabelecimentos comerciais, para serem observadas as condições pontuais de higiene nos devidos locais de comercialização. Com isso foi identificado que nos referidos frigoríficos apresentaram diversas inadequações com relação aos aspectos higiênico- sanitários. Devido a isso, pode-se concluir que a grande maioria dos estabelecimentos frigoríficos não atendem a todos os itens avaliados, ressaltando-se com isso a importância do cumprimento da resolução que visa assegurar a oferta de alimentos seguro ao consumidor.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-06-01

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)