PROPAGAÇÃO VEGETATIVA DE ROMÃ EM DIFERENTES SUBSTRATOS

Authors

  • Patricio Ferreira Batista
  • Sandra Sely Silveira Maia
  • Maria de Fatima Barbosa Coelho UNILAB
  • Clarisse Pereira Benedito
  • Isaias Porfírio Guimarães

Abstract

A romã (Punica granatum L.) pertencente à família Punicaceae, é uma planta frutífera muito utilizada como ornamental que reúne propriedades medicinais. O objetivo deste trabalho foi avaliar diferentes tipos de substratos no processo de propagação vegetativa de P. granatum. Foram plantadas estacas lenhosas com aproximadamente 20 cm de comprimento e diâmetro médio entre 2,0 e 4,0 mm. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com 5 tratamentos e 8 repetições. Os substratos foram 1-plantimax®, 2-areia, 3-arisco, 4-fibra de coco e 5-solo. As estacas foram colocadas para enraizar em sacolas de polietileno de 12 X 20 cm. Aos 60 dias após o plantio foram avaliadas as características: número médio de folhas, número médio de brotações, comprimento médio das brotações, peso médio da matéria seca dos brotos e da raiz. O substrato plantmax® proporcionou a maior porcentagem de sobrevivência (70%), número de brotações (3,9) e massa seca das brotações (2,8 g), enquanto a fibra de coco proporcionou maior comprimento das brotações (14,5 cm). O pior substrato foi o solo para todas as características. Recomenda-se o substrato plantmax® para a produção de mudas de Punica granatum.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

06-01-2012

How to Cite

FERREIRA BATISTA, P.; SILVEIRA MAIA, S. S.; COELHO, M. de F. B.; PEREIRA BENEDITO, C.; PORFÍRIO GUIMARÃES, I. PROPAGAÇÃO VEGETATIVA DE ROMÃ EM DIFERENTES SUBSTRATOS. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 6, n. 4, p. 96–100, 2012. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/1053. Acesso em: 20 jun. 2024.

Issue

Section

ARTICLES

Most read articles by the same author(s)

1 2 3 > >>