Produção de alface (Lactuca sativa L.), em função de diferentes concentrações e tipos de biofertilizantes

  • Thiago Pereira de Sousa UEPB
  • Eduardo Pereira de Sousa Neto UFCG
  • Luana Raposo de Sá Silveira UEPB
  • Elias Francisco dos Santos Filho UFCG
  • Patrício Borges Maracajá UFCG - Universidade Federal de Campina Grande

Abstract

A alface (Lactuca sativa L.) originou-se de espécies silvestres, ainda atualmente encontradas em regiões de clima temperado, no sul da Europa e na Ásia Ocidental. Objetivou-se com este trabalho, estudar o efeito de diferentes concentrações de urina de vaca e biofertilizante aplicados via foliar na cultura da alface em condições edafoclimáticas do município de Catolé do Rocha-PB. O experimento foi conduzido em condições de campo na estação experimental agroecológica do Campus IV da UEPB. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualisados com 12 tratamentos, no esquema fatorial 6x2, com 4 repetições. Testou-se 06 concentrações de biofertilizante: (C1= 0,0; C2= 10; C3= 20; C4= 30; C5= 40 e C6= 50 m/L planta/vez, respectivamente) e aplicação do biofertilizante (T1) e da urina de vaca (T2), na produção da alface. Utilizou-se sementes da cultivar Elba (grupo crespo). Avaliou-se: número de folhas (NF), peso verde da folha (PVF) e peso verde da parte aérea (PVPA). As concentrações de biofertilizante se comportaram de maneira semelhante dentro dos tipos de biofertilizante e vice-versa. As plantas de alface Elba submetidas á concentração C3= 20 ml/L planta/vez, na presença de urina de vaca (T2) proporcionaram maiores taxas de desenvolvimento foliar.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Thiago Pereira de Sousa, UEPB
Atualmente é mestrando em Fitotecnia pelo Programa de Pós-graduação em Fitotecnia da Universidade Federal Rural do Semi-Árido - UFERSA, Possui Graduado em Ciências Agrárias pela Universidade Estadual da Paraíba - UEPB (2013) e aperfeiçoamento profissional em Georreferenciamento de Imóveis Rurais pela Faculdade de Engenharia de Minas Gerais - FEAMIG (2010). É Técnico em Gestão Empresarial pelo Colégio Técnico Dom Vital (2008) e Técnico em Agropecuária pela Universidade Estadual da Paraíba - UEPB (2006).
Eduardo Pereira de Sousa Neto, UFCG
Atualmente é Graduando em Agronomia pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG (2011.2), e é Técnico em Agropecuária pela Universidade Estadual da Paraíba - UEPB (2011).
Luana Raposo de Sá Silveira, UEPB
Atualmente é Graduanda em Ciências Agrárias pela Universidade Estadual da Paraíba - UEPB.
Elias Francisco dos Santos Filho, UFCG
Graduando em Agronomia, UFCG - Universidade Federal de Campina Grande, Pombal-PB.
Patrício Borges Maracajá, UFCG - Universidade Federal de Campina Grande
Engenheiro Agronomo pela Universidade Federal da Paraíba concluído em (1981) e Licenciatura em Teologia pelo CEPRAC em (2007), efetuou o doutorado (1991 - 1995) recebendo o titulo de Doutor Engenheiro Agrônomo pela Universidad de Córdoba - España em (1995) que foi Convalidado pela USP ESALQ - Piracicaba - SP em 1996 como o titulo de D. Sc.: Entomologia . Conceito CAPES 7.
Published
2014-12-09
How to Cite
SOUSA, T. P. DE; NETO, E. P. DE S.; SILVEIRA, L. R. DE S.; FILHO, E. F. DOS S.; MARACAJÁ, P. B. Produção de alface (Lactuca sativa L.), em função de diferentes concentrações e tipos de biofertilizantes. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, v. 9, n. 4, p. 168 - 172, 9 Dec. 2014.
Section
ARTICLES