Avaliação Pós-Colheita do Melão Amarelo submetido Danos Mecânicos

Authors

  • Marcello Henrique C. de Souza Universidade Federal do Vale do São Francisco
  • Max Venicius Teixeira da Silva
  • Osvaldo Campello Melo
  • Fabiano Luiz de Oliveira
  • Acácio Figueredo Neto

Abstract

O melão nos últimos anos apresentou um grande crescimento em sua produção e em seu consumo, porém aliado a essa evolução cresceu também as perdas pós-colheita.. Com isso objetivou-se nesse trabalho avaliar as alterações físicas e químicas da qualidade pós-colheita de frutos de melão amarelo submetidos a danos mecânicos por impacto, a diferentes alturas de quedas, e armazenados a temperatura ambiente. Para isto foram utilizados frutos de pomares comerciais de Juazeiro – BA. Onde foram acompanhados os períodos da antese para a colheita dos frutos. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado (DIC) em esquema fatorial 2 x 4 (tempo de armazenamento x altura de queda) para avaliar suas características como perda de massa fresca (%), sólidos solúveis (°brix) e cor. Com base nos dados do experimento concluímos que o melão amarelo não sofreu alteração significativa quando submetido a impactos reproduzidos artificialmente simulando as possíveis injúrias no processo pós-colheita (transporte e colheita) do mesmo. O impacto utilizado neste estudo não foi suficiente para alterar o metabolismo do fruto. Contudo em relação à perda de massa fresca houve um aumento em relação ao tempo de armazenamento

Downloads

Download data is not yet available.

Published

08-01-2014

How to Cite

SOUZA, M. H. C. de; SILVA, M. V. T. da; MELO, O. C.; OLIVEIRA, F. L. de; FIGUEREDO NETO, A. Avaliação Pós-Colheita do Melão Amarelo submetido Danos Mecânicos. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 9, n. 4, p. 195–200, 2014. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/3122. Acesso em: 15 jun. 2024.

Issue

Section

ARTICLES

Most read articles by the same author(s)