Evalution of forest fire occurrences in the State of Tocantins

Authors

  • Jessica Nepomuceno Patriota Universidade Federal do Tocantins
  • Antonio Carlos Batista Universidade Federal do Paraná
  • Eduardo Ganassoli Universidade Federal do Paraná
  • Micael Moreira Santos Universidade Federal do Paraná
  • Maria Cristina Bueno Coelho Universidade Federal do Tocantins
  • Marcos Giongo Universidade Federal do Tocantins

DOI:

https://doi.org/10.18378/rvads.v12i3.4061

Keywords:

Cerrado, Fire, Hot spots

Abstract

Tocantins is one of the Brazilian states most affected by forest fires, which are the largest remnants of the country's Cerrado. Thus, this study aims to evaluate the Fire Occurrence Records (ROIs) in the state of Tocantins between 2003 and 2015 through the information provided by INPE and SisFogo. The work was divided into three stages: the first consists in the acquisition the images of the satellite AQUA and the fire occurrence records (ROI's), the second comprises the processing of data on satellite images and fire occurrence records through a spreadsheet and the third consists in carrying out the relevant statistics the information collected. The results showed that the amount of heat sources is above the fire occurrence records available through Sisfogo. Of the 139 municipalities in the state, only 14 municipalities were filled with their reports and stored on site. The farms were the sites with higher occurrences of fires in the municipalities and the cause with the highest frequency of fire occurrences were "agricultural activities". The information on hot spots, obtained from satellite imagery, can contribute positively to a better understanding of spatial and temporal dynamics of occurrence of forest fires. In the State of Tocantins, the municipalities: Formoso do Araguaia, Confusion Lagoon, Mateiros and Pium are the ones that presented the highest averages of occurrences of heat sources in the last 12 years. Compared with SisFogo information, these municipalities are also the ones that presented the highest numbers of Fire Occurrence Reports.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Jessica Nepomuceno Patriota, Universidade Federal do Tocantins

Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais da UFT

Antonio Carlos Batista, Universidade Federal do Paraná

Programa de Pós-graduação em Engenharia Florestal da UFPR

Eduardo Ganassoli, Universidade Federal do Paraná

Mestrando em Engenharia Florestal, Universidade Federal do Paraná

Micael Moreira Santos, Universidade Federal do Paraná

Mestrando em Engenharia Florestal, Universidade Federal do Paraná

Maria Cristina Bueno Coelho, Universidade Federal do Tocantins

Professora Adjunto da Universidade Federal do Tocantins

Marcos Giongo, Universidade Federal do Tocantins

Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais da UFT

References

CASTRO, E. Dinâmica socioeconômica e desmatamento na Amazônia. Novos Cadernos NAEA, v. 8, n. 2, p. 5-39, 2005.

CIPRIANI, H. N.; PEREIRA, J. A. A.; SILVA, R. A.; FREITAS, S. G.; OLIVEIRA, L. T. Fire risk map for the Serra de São Domingos Park, Poços de Caldas, MG. Cerne, Lavras, v. 17, n. 1, p. 77-83, 2011.

DEPPE, F.; PAULA, E. V.; MENEGHETTE, C. R.; VOSGERAU, J. Comparação de índice de risco de incêndio florestal com focos de calor no Estado do Paraná. Revista Floresta, Curitiba, v. 34, n. 2, p. 119-126, 2004.

FALK, D. A.; HEYERDAHL, E. K.; BROWN, P. M.; FARRIS, C.; FULÉ, P. Z.; MCKENZIE, D.; SWETNAM, T. W.; TAYLOR, A. H.; VAN HORNE, M. L. Multi-scale controls of historical forest-fire regimes: new insights from fire-scar networks. Frontiers in Ecology and the Environment, Washington, v. 9, n. 8, p. 446-454, 2011.

FIEDLER, N. C.; MERLO, D. A.; MEDEIROS, M. B. Ocorrência de incêndios florestais no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Goiás. Ciência Florestal, v 16, n. 2, p.153-161, 2006.

IBGE. Mapas de Biomas e de Vegetação. Disponível em: http://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa864. Acesso em: 17 fev. 2016 (a).

IBGE. Produção da Pecuária Municipal. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/estadosat/temas.php?sigla=to&tema=pecuaria2013 Acesso em: 17 fev. 2016 (b).

INPE. Portal de Monitoramento de Queimadas e Incêndios. Disponível em: http://www.dpi.inpe.br/proarco/bdqueimadas/. Acesso em: 17 fev. 2016.

IVANAUSKAS, N. M.; MONTEIRO, R.; RODRIGUES, R. R. Alterations following a fire in a forest community of Alto Rio Xingu. Forest Ecology and Management, v. 184, n. 1-3, p. 239-250, 2003.

LAZZARINI, G. M. J.; FERREIRA, L. C. C.; FELICISSIMO, M. F. G.; LIRA, R. G.; JUSTINO, A. G.; GOMES, C. S.; RIBEIRO, J. C. N.; MAGUALHÃES, G. R. D. Análise da distribuição dos focos de calor no Tocantins entre 2002 e 2011. Revista Interface, Porto Nacional, Ed. 5, p. 24-35, 2012.

MEDEIROS, M. B. Manejo do fogo em unidades de conservação do cerrado. Boletim do Herbário Ezechias Paulo Heringer, Brasília, v. 10, n. 1, p. 76-89, 2002.

MEDEIROS, M. B.; FIEDLER, N. C. Incêndios florestais no Parque Nacional da Serra da Canastra: desafios para a conservação da biodiversidade. Ciência Florestal, Santa Maria, v. 14, n. 2, p. 157-168, 2004.

NASCIMENTO, D. T. F.; ARAUJO, F. M.; FERREIRA, L. G. Análise dos padrões de distribuição espacial e temporal dos focos de calor no bioma Cerrado. Revista Brasileira de Cartografia, v.63, n. 1, p. 577-589, 2011.

NEPSTAD, D. C.; MOREIRA, A. G.; ALENCAR, A. A. A floresta em chamas: origens, impactos e prevenção de fogo na Amazônia. Brasília: Ministério do Meio Ambiente. Programa Piloto para a Proteção das Florestas Tropicais no Brasil, p. 172, 1999.

PEREIRA, A. A.; PEREIRA, J. A.; MORELLI, F.; BARROS. D. A.; ACERBI-JR, F. W.; SCOLFORO, J. R. Validação dos focos de calor utilizados no monitoramento orbital de queimadas por meio de imagens TM. Cerne, Lavras, v. 18, n. 2, p. 335-343, 2012.

PIVELLO, V. R. The use of fire in the Cerrado and Amazonian rainforests of Brazil: past and present. Fire ecology, v. 7. n. 1,p. 24-39, 2011.

RIBEIRO, L.; SOARES, R. V.; BEPLLER, M. Mapeamento do risco de incêndios florestais no município de Novo Mundo, Mato Grosso, Brasil. Cerne, Lavras, v. 18, n. 1, p. 117-126, 2012.

SANTOS, J. F.; SOARES, R. V.; BATISTA, A. C. Perfil dos incêndios florestais no Brasil em áreas protegidas no período de 1998 a 2002. Revista Floresta, v. 36, n. 1, p. 93-100, 2006.

SILVA J. C.; FIEDLER N. C.; RIBEIRO G. A.; SILVA J. M. C. Avaliação das brigadas de incêndios florestais em unidades de conservação. Revista Árvore, v. 27. n. 1. p. 95-101, 2003.

SISTEMA NACIONAL DE INFORMAÇÕES SOBRE FOGO (Sisfogo). Disponível em: <http://siscom.ibama.gov.br/Sisfogo/publico.php>. Acesso em: 02/12/2015.

SOARES, R. V.; BATISTA, A. C. Incêndios florestais – Controle, Efeitos e Uso do Fogo. Curitiba, 2007.

SOUSA, G. M.; COURA, P. H. F; FERNANDES, M. C. Cartografia geoecológica da potencialidade à ocorrência de incêndios: uma proposta metodológica. Revista Brasileira de Cartografia, Rio de Janeiro, v. 62, n. 1, p. 277-289, 2010.

TETTO, A. F.; BATISTA, A. C.; NUNES, J. R. S; SOARES, R. V. Subsídios à prevenção e combate a incêndios florestais com base no comportamento da precipitação pluviométrica na Floresta Nacional de Irati, Paraná. Ciência Florestal, Santa Maria, v. 20, n. 1, p. 33-43, 2010.

TETTO, A. F.; BATISTA, A. C.; SOARES, R. V. Zoneamento de risco de incêndios florestais para a Floresta Nacional de Irati, Estado do Paraná, Brasil. Scientia Forestalis, Piracicaba, v. 40, n. 94, p. 259- 265, 2012.

TOCANTINS. Atlas do Tocantins: subsídios ao planejamento da gestão territorial. SOUZA, P. A. B.; BORGES, R. S. T.; DIAS, R. R. (Org.). Revista atual. Palmas: SEPLAN/DZE, Ed. 6, p. 80, 2012.

TORRES, F. T. P; RIBEIRO, G. A.; MARTINS, S. V; LIMA, G. S. Determinação do período mais propício às ocorrências de incêndios em vegetação na área urbana de Juiz de Fora, MG. Revista Árvore, Viçosa, v. 34, n. 2, p. 297-303, 2010.

WESTERLINGA, A. L.; TURNERB, M. G.; SMITHWICKC, E. A. H.; ROMMED, W. H.; RYANE, M. G. Continued warming could transform Greater Yellowstone fire regimes by mid-21st century. PNAS, Washington, v. 108, n. 32, p. 13165-13170, 2011.

Published

01-07-2017

How to Cite

PATRIOTA, J. N.; BATISTA, A. C.; GANASSOLI, E.; SANTOS, M. M.; COELHO, M. C. B.; GIONGO, M. Evalution of forest fire occurrences in the State of Tocantins. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 12, n. 3, p. 518–523, 2017. DOI: 10.18378/rvads.v12i3.4061. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/4061. Acesso em: 18 apr. 2024.

Issue

Section

AGRICULTURAL SCIENCES

Most read articles by the same author(s)