Substratos e doses de biofertilizante bovino na produção de mudas de aceroleira

  • Kássio Alves Dantas UEPB
  • Tamires da Costa Figueiredo UEPB
  • Evandro Franklin de Mesquita UEPB
  • Francisco Vanies da Silva Sá UFCG
  • Nubia Mariza Ferreira UEPB

Resumo

Objetivou-se avaliar os efeitos de diferentes composições de substratos e níveis percentuais de biofertilizante bovino fornecido ao solo, para a produção de mudas de acerola. O experimento foi conduzido no período de 29 de março a 09 de junho de 2012, em viveiro de produção de mudas do Campus IV da Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha-PB. Foi utilizado o delineamento experimental em blocos casualizados, empregando o esquema fatorial 4 x 2, distribuídos em três blocos, sendo três plantas por parcela, totalizando 72 unidades experimentais, referentes aos níveis de biofertilizantes (0,0; 4,0; 8,0 e 12,0% volume) e dois substratos S1 = (50% areia, 25% solo, 25% esterco bovino); S2= (50% esterco bovino, 25% areia, 25% solo). A aplicação do biofertilizante foi feita em fundação, 24 horas antes do semeio e uma de cobertura aos 32 DAS (dias após a semeadura). A adubação orgânica com biofertilizante, independentemente dos substratos, influencia positivamente o crescimento e acúmulo de matéria seca das mudas de aceroleira. A adição de biofertilizante bovino até 7,15% em volume, independentemente do substrato utilizado, proporcionou mudas de boa qualidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kássio Alves Dantas, UEPB
Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Agrárias Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha – PB
Tamires da Costa Figueiredo, UEPB
Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Agrárias Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha – PB
Evandro Franklin de Mesquita, UEPB
D. Sc. Professor da Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha - PB
Francisco Vanies da Silva Sá, UFCG
Graduando em Agronomia da Universidade Federal de Campina Grande- Bolsista de iniciação cientifica do CNPQ.
Nubia Mariza Ferreira, UEPB
Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Agrárias Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha – PB
Publicado
2014-05-19
Seção
ARTIGOS