Caracterização morfométrica da bacia hidrográfica do igarapé da Prata, Capitão Poço, Pará, Brasil

Authors

  • Rodrigo Silvano Silva Rodrigues Universidade Federal do Pará
  • Lindemberg Lima Fernandes Universidade Federal do Pará
  • Diêgo Lima Crispim Universidade Federal do Pará
  • Artur Sales de Abreu Vieira Universidade Federal do Pará
  • Francisco Carlos Lira Pessoa Universidade Federal do Pará

DOI:

https://doi.org/10.18378/rvads.v11i3.4313

Keywords:

Bacia hidrográfica, Morfometria, Hidrologia.

Abstract

Este trabalho teve como objetivo realizar a caracterização morfométrica da bacia hidrográfica do igarapé da Prata, localizado no município de Capitão Poço, Pará. Inicialmente gerou-se o Modelo Digital de Elevação a partir de SRTM com resolução espacial de 30 m, utilizando o sistema de informações geográficas, por meio do software ArcGis 10.1 e da extensão ArcHydro, foram calculados alguns parâmetros morfométricos para o estudo do comportamento hidrológico da bacia. A área de drenagem encontrada foi de 115,283 km² e o perímetro de 70,151 km. A bacia hidrográfica do igarapé da Prata tem formato alongado, coeficiente de compacidade de 1,829, fator de forma de 0,356 e índice de circularidade de 0,294. A densidade de drenagem obtida para a bacia foi de 0,525 km/km², com padrão dendrítico. A forma mais alongada da bacia hidrográfica indica que a precipitação pluviométrica sobre ela se distribui em diferentes pontos. De maneira geral, suas características morfométricas denotam um controle estrutural da drenagem eficiente, bem como menor risco de grandes cheias em condições normais de pluviosidade anual e topografia favorável ao escoamento superficial.

Morphometric characterization of Prata catchment, Capitão Poço, Pará, Brazil

Abstract: This study aimed to characterize the morphometric Prata catchment, located in the municipality of the Capitão Poço/PA. In order to do so, a Digital Elevation Model (DEM), spatial resolution of 30 meters, using as database and analysis the system of geographic information, by means of the ArcMap 10.2 and ArcHydro systems. From this, some morphometric parameters of a previous study on the hydrologic behavior of the watershed were calculated. The drainage area was 115,283 km² and 70,151 km in perimeter. The Prata catchment was proven not easily subject to floods as the compacity coefficient was far from the unit (1,829) and its shape factor presented a low value (0,356). Such fact can still be proven by the circularity index value (0,294). The drainage density was 0,525 km/km². The drainage system forms a dendritic pattern. The more elongated watershed shape indicates that the rainwater volume that falls within the watershed is concentrated in different points. The morphometric characteristics denote a structural control of efficient drainage, lower risk of major floods in normal annual rainfall and topography favorable to runoff.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Rodrigo Silvano Silva Rodrigues, Universidade Federal do Pará

Engenheiro Sanitarista e Ambiental graduado pela Universidade Federal do Pará.

Mestrando do Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil (PPGEC/UFPA), área de concentração Engenharia Hídrica, linha de pesquisa Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental. Bolsista CAPES.

Técnico em Edificações.

Atividades profissionais voltadas ao setor público e privado, na área de infraestrutura urbana, saneamento ambiental e consultoria em licenciamento ambiental.

Diversas atividades acadêmicas: no Conselho da FAESA/UFPA, na Câmara de Ensino da FAESA/UFPA, no Centro Acadêmico e na Empresa Júnior de Engenharia Sanitária e Ambiental da Universidade Federal do Pará (ENGSAM/UFPA).

Foi Bolsista de IC do PIBIC/UFPA e PIBIC/CNPq.

Lindemberg Lima Fernandes, Universidade Federal do Pará

Possui Graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Pará (1995), mestrado em Geofísica pela Universidade Federal do Pará (2000) e Doutorado em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido pela Universidade Federal do Pará (2005). Tutor do Programa de Educação Tutorial - Secretaria de Educação Superior- MEC, PET Engenharia Sanitária e Ambiental, tendo criado o grupo em 2013. Atualmente é professor Associado da Universidade Federal do Pará. Tem experiência na área de Engenharia Civil e Meio Ambiente, atuando principalmente nas seguintes linhas de pesquisas: Recursos Hídricos, Hidráulica, Hidrologia, Desenvolvimento Sócioambiental e Saneamento Ambiental.

Diêgo Lima Crispim, Universidade Federal do Pará

Graduado em Engenharia Ambiental pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG, Especialista em Educação Ambiental e Geografia do Semiárido- IFRN, Mestre em Sistemas Agroindustriais PPGSA /UFCG , com ênfase na linha de pesquisa em Gestão e Tecnologia Ambiental em Sistemas Agroindustriais. Ex- Conselheiro da Câmara Superior de Ensino e Colegiado Pleno da UFCG, Experiência em Projeto de Extensão na Área de Convivência com o Semiárido, Ex-Diretor de Formação Política do Diretório Central dos Estudantes - DCE e colaborador na ONG Germinar.

Artur Sales de Abreu Vieira, Universidade Federal do Pará

Possui graduação em Engenharia Sanitária e Ambiental pela Universidade Federal do Pará (2013). Foi membro atuante da Empresa Júnior de Engenharia Sanitária e Ambiental da Universidade Federal do Pará (ENGSAM/UFPA). Foi Bolsista de Iniciação Cientifica PIBIC/FAPESPA e pesquisador do Grupo de Estudos em Gerenciamento de Água e Reuso de Efluentes - GESA. Tem experiência na área de Engenharia Sanitária e Ambiental, com ênfase em saneamento ambiental e recursos hídricos. Exerceu função como pesquisador sobre responsabilidade técnica em Engenharia Ambiental nos Projetos de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico do Setor de Energia Elétrica - P&D, mediante aos regulamentos da Agência Nacional de Energia Elétrica - ANEEL, com vinculo ao Núcleo de Estudos e Pesquisas do Nordeste - NEPEN.

Francisco Carlos Lira Pessoa, Universidade Federal do Pará

Possui graduação em Engenharia sanitária e Ambiental pela Universidade Federal do Pará (2005), especialização em Engenharia de Segurança do trabalho pela Universidade da Amazônia (2008), mestrado em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Pará (2010) e doutorado em Engenharia de Recursos Naturais pela Universidade Federal do Pará (2015). Atualmente é bolsista do Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD/Capes). Tem experiência na área de Recursos Hídricos, com ênfase em Hidrologia; Regionalização Hidrológica - Curvas de permanência - Vazões Ecológicas - (Regressões Múltiplas); e Identificação de Regiões Hidrologicamente Homogêneas (Métodos de Análise de Agrupamentos e Fuzzy C-Means).

Published

14-08-2016

How to Cite

RODRIGUES, R. S. S.; FERNANDES, L. L.; CRISPIM, D. L.; VIEIRA, A. S. de A.; PESSOA, F. C. L. Caracterização morfométrica da bacia hidrográfica do igarapé da Prata, Capitão Poço, Pará, Brasil. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 11, n. 3, p. 143–150, 2016. DOI: 10.18378/rvads.v11i3.4313. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/4313. Acesso em: 21 jun. 2024.

Issue

Section

ENGINEERING I

Most read articles by the same author(s)

1 2 > >> 

Similar Articles

You may also start an advanced similarity search for this article.