Gerenciamento de resíduos em empresas do setor hortifrúti localizadas na região do Cariri – Ceará

  • Leyna Bezerra de Moura FACULDADE DE TECNOLOGIA CENTEC SERTÃO CENTRAL

Resumo

O Brasil está entre os 10 países que mais desperdiçam alimentos no mundo. Aproximadamente 35% da produção agrícola nacional tornam-se lixo, que representa quantitativamente valores acima de 10 milhões de toneladas de alimentos, e caso estes não sejam considerados a alguma finalidade, podem comprometer o meio ambiente.Mediante o grande desperdício de alimentos ocorridos na região do Cariri, dentre eles os de maior destaque são as frutas e hortaliças, com consequente geração de resíduos originários das etapas de produção, distribuição e comercialização. Ressalta-se a importância de conhecimentos acerca da adoção de práticas em respeito ao ambiente, portanto, o presente estudo teve como objetivo analisar o gerenciamento de resíduos provenientes de determinadas empresas do setor hortifrúti da região do Cariri. Diante dos resultados encontrados neste estudo observou-se que todas as empresas geram resíduos e que estão sendo capazes de utilizá-los atribuindo aos mesmos finalidades como alimentação animal e compostagem, o que nos garante que tais empresas, preconizam condutas de gerenciamento de resíduos adequadas, adotando uma postura ética de comprometimento com o social e o meio ambiente.

Palavras-chave: desperdício, compostagem, meio ambiente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leyna Bezerra de Moura, FACULDADE DE TECNOLOGIA CENTEC SERTÃO CENTRAL
Tecnóloga em Alimentos com Mestrado em Ciencia e Tecnologia de Alimentos na UFPB e atualmente Professora da Faculdade de Tecnologia CENTEC Sertão Central.
Publicado
2014-05-13
Seção
NOTA TÉCNICA