Tratamentos para superação de dormência em sementes de Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong

Authors

  • Allan Deyvid Pereira da Silva Universidade Federal do Tocantins
  • Patrícia Aparecida de Souza Universidade Federal do Tocantins
  • André Ferreira dos Santos Eng. Ftal. Dr. Sc. Professora Adjunto IV do Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Tocantins
  • Ismael de Oliveira Pinto Eng. Ftal. Dr. Sc. Professora Adjunto II do Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Tocantins
  • Thamires Marques Moura Universidade Federal do Tocantins

Abstract

As sementes da espécie Enterolobium contortisiliquum, popularmente conhecida como tamboril, apresentam alto grau de dormência, resultando em baixos níveis de germinação, o que dificulta a produção de mudas. Este trabalho teve como objetivo testar a eficiência da escarificação química e em água fervente para superação da dormência tegumentar das sementes de tamboril, utilizando-se os seguintes tratamentos: imersão das sementes em ácido sulfúrico (96% PA) por 15, 30, 45 e 60 min, seguidos por lavagem em água corrente por 10 min; e imersão em água fervente (≅100 °C) por 2, 4 min e até o resfriamento. As sementes foram colocadas para germinar em rolos de papel tipo Germitest® e incubadas em BOD, a 27 °C e fotoperíodo de 12/12 (dia e noite). Avaliou-se a porcentagem de germinação e o índice de velocidade de germinação (IVG). Os resultados permitiram inferir que a imersão das sementes em ácido sulfúrico por 15, 30, 45 e 60 min, bem como em água fervente até o resfriamento, foram os tratamentos que apresentaram maior eficiência na superação da dormência de sementes de tamboril. Todavia, recomenda-se o tratamento em água fervente até o resfriamento, levando-se em consideração a facilidade operacional e a relação custo/benefício.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Allan Deyvid Pereira da Silva, Universidade Federal do Tocantins

Tecg. Agroindustrial, Mestrando em Ciências Florestais e Ambientais da Universidade Federal do Tocantins.

Patrícia Aparecida de Souza, Universidade Federal do Tocantins

Eng. Ftal. Dr. Sc. Professora Adjunto IV do Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Tocantins.

André Ferreira dos Santos, Eng. Ftal. Dr. Sc. Professora Adjunto IV do Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Tocantins

Eng. Ftal. Dr. Sc. Professora Adjunto II do Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Tocantins.

Ismael de Oliveira Pinto, Eng. Ftal. Dr. Sc. Professora Adjunto II do Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Tocantins

Eng. Agr., Mestrando em Ciências Florestais e Ambientais pela Universidade Federal do Tocantins.

Thamires Marques Moura, Universidade Federal do Tocantins

Eng. Ftal., Mestranda em Ciências Florestais e Ambientais pela Universidade Federal do Tocantins.

Published

29-06-2014

How to Cite

DA SILVA, A. D. P.; DE SOUZA, P. A.; DOS SANTOS, A. F.; PINTO, I. de O.; MOURA, T. M. Tratamentos para superação de dormência em sementes de Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 213–217, 2014. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RVADS/article/view/2682. Acesso em: 20 apr. 2024.

Issue

Section

ARTICLES

Most read articles by the same author(s)