Cerconota anonella (SEPP., 1830) (LEPIDOPTERA: OECOPHORIDAE) EM POMAR DE ANONÁCEA EM RIO LARGO, ALAGOAS

  • Jakeline Maria dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Eliane dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Joice Kessia Barbosa dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Eurico Eduardo Pinto de Lemos Universidade Federal de Alagoas
  • Antônio Euzébio Goulart Santana Universidade Federal de Alagoas
Palavras-chave: Broca-do-fruto, Annona squamosa, Levantamento populacional

Resumo

A broca do fruto das anonáceas, Cerconota anonella (Sepp., 1830) (Lepidoptera: Oecophoridae), é uma das pragas-chave em cultivos de anonáceas em regiões produtoras do País. O principal dano econômico causado à cultura se deve a inviabilidade da comercialização dos frutos em virtude das injúrias causadas. Os prejuízos podem ser de até 100%, pois as lagartas se alimentam da polpa e as galerias construídas facilitam o desenvolvimento de vários patógenos, tornando-se os frutos impróprios ao consumo ou extração da polpa. Os sintomas de ataque são facilmente reconhecidos devido aos resíduos de digestão que são depositados sobre a superfície do fruto à medida que a lagarta penetra no seu interior; os frutos ficam retorcidos ou com partes enegrecidas, quase sempre perfurados. O objetivo do trabalho foi avaliar o índice de infestação de C. anonella em frutos de pinha (Annona squamosa L.) em um plantio experimental no Campus de Engenharias e Ciências Agrárias da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) no município de Rio Largo, Alagoas. A coleta dos frutos foi realizada em setembro de 2019 em uma área de 360m² com 40 plantas em espaçamento de 3 x 3 metros, sem manejo para o controle de insetos-praga. Foram coletados 598 frutos com e sem sintomas de infestação. Estes foram encaminhados ao Laboratório de Pesquisa em Recursos Naturais da UFAL, e acondicionados em gaiolas para obtenção dos insetos adultos. Após a emergência, procedia-se com a contagem e sexagem. O índice de infestação foi calculado a partir da divisão do número total de insetos pelo número total de frutos (insetos/fruto) e pela divisão do número de frutos infestados pelo número total de frutos coletados vezes 100. Foram obtidos 1.633 espécimes, sendo 965 fêmeas e 668 machos. O índice de infestação foi de 98% com 2,7 insetos/fruto. Esses dados mostram que o manejo voltado ao controle de C. anonella é indispensável para obtenção de frutos sadios.
Publicado
2020-05-25
Como Citar
Santos, J. M. dos, Santos, E. dos, Santos, J. K. B. dos, Lemos, E. E. P. de, & Santana, A. E. G. (2020). Cerconota anonella (SEPP., 1830) (LEPIDOPTERA: OECOPHORIDAE) EM POMAR DE ANONÁCEA EM RIO LARGO, ALAGOAS. Caderno Verde De Agroecologia E Desenvolvimento Sustentável, 10(1), e17. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/CVADS/article/view/7822
Seção
SIMPÓSIO EM PROTEÇÃO DE PLANTAS