PARAFILIAS, TRANSTORNOS PARAFÍLICOS E ASPECTOS NA CONTEMPORANEIDADE

  • Bianca Lima Silva UFCG
  • Letícia do Carmo Souza UFCG
  • Vanessa Érica da Silva Santos Universidade Federal de Campina Grande
  • Gilcivan dos Santos Pereira UFCG
  • Giliard Cruz Targino UFCG

Resumo

O presente artigo tem como objetivo principal a análise conceitual e social, tanto das parafilias, atração sexual inadequada, como das suas manifestações na sociedade contemporânea. A produção em tela explana um parâmetro geral sobre as parafilias, desde a etimologia até suas variadas expressões, inclusive na internet. Buscou-se, ainda, explanar sobre os transtornos parafílicos, assim como a diferença entre os termos parafilia e transtorno, citando seus diversos tipos, relatados por inúmeros manuais de saúde mental, principalmente o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais. Dessa forma, foram expostos dados estatísticos do impacto social das parafilias, além de porcentagens entre os gêneros sexuais. As parafilias, bem como os transtornos parafílicos, são comuns em todos os países do mundo, sendo transtornos mentais passíveis e dignos de tratamento e acolhimento como qualquer outro, porém, são caracterizados pelo senso comum como anomalias e sofrem bastante preconceito. Assim, conclui-se que a aversão aos indivíduos que sofrem desses transtornos os marginaliza e afasta-os da busca por tratamento, logo, potencializa seus efeitos, chegando à prática de crimes virtuais ligados às parafilias. Utilizou-se no processo de pesquisa, a fim de conferir fidedigna cientificidade às investigações, os métodos de coleta de dados bibliográfico e documental, assim como, quanto aos métodos de procedimento, fazem-se presentes o histórico e o estatístico, objetivando a construção do artigo, tendo em vista que partiu-se do método de abordagem hipotético dedutivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bianca Lima Silva, UFCG
Graduanda em Ciências Jurídicas e Sociais - Direito pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG
Letícia do Carmo Souza, UFCG
Graduanda em Ciências Jurídicas e Sociais - Direito pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG
Vanessa Érica da Silva Santos, Universidade Federal de Campina Grande
Advogada, Professora Substituta da UFCG, Professora da UNIFIP, Especialista em Direito do Trabalho pela UNOPAR, em Direito Penal e Processo Penal pela UFCG e em Gestão Pública pelo IFPB; Mestra em Sistemas Agroindustriais pela UFCG.

 

Gilcivan dos Santos Pereira, UFCG
Graduanda em Ciências Jurídicas e Sociais - Direito pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG
Giliard Cruz Targino, UFCG

5Graduado em Ciências Jurídicas e Sociais - Direito pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG, Mestre em Sistemas Agroindustriais pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG E-mail: gilibnb@hotmail.com

Publicado
2020-04-30
Como Citar
Silva, B. L., Souza, L. do C., Santos, V. Érica da S., Pereira, G. dos S., & Targino, G. C. (2020). PARAFILIAS, TRANSTORNOS PARAFÍLICOS E ASPECTOS NA CONTEMPORANEIDADE. Revista Brasileira De Direito E Gestão Pública, 8(2), 308-318. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/RDGP/article/view/7908
Edição
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 3 > >>