CINÉTICA DE SECAGEM DA BANANA VERDE PACOVAN (Musa x paradisiacal)

  • Flávia Cristina Lima IFPE - Campus Belo Jardim http://orcid.org/0000-0002-0696-5765
  • Carlos José Macena IFPE campus belo jardim
  • José Carlos Ferreira IFPE Campus Belo Jardim
  • João Carlos Melo IFRN Campus Caicó
  • Regilane Marques Feitosa UFCG Campus Campina Grande

Resumo

O processo de secagem consiste na retiragem de umidade da banana e desidrata-la. Diversos modelos matemáticos têm sido utilizados para descrever o processo de secagem de produtos agrícolas. Este trabalho teve como objetivo determinar as curvas e o tempo de secagem da banana pacovan (Musa × paradisíaca), e ajustar os modelos matemáticos de secagem em camada fina aos dados experimentais obtidos na secagem da banana pacovan a temperatura de 60 ºC em estufa e secador solar, definindo o melhor modelo matemático. Os resultados da secagem foram avaliados ajustando-se aos seguintes modelos matemáticos: Newton, Page, Henderson & Pabis, Logaritmico, Dois termos, Wang e Sing, Midilli et al., Henderson & Pabis modificado e de Fick. De acordo com as análises dos dados,o  modelo que melhor representou o fenômeno de secagem nos dois tipos de secador foi o de Medilli apresentando coeficientes de determinação maiores que 0,98, descrevendo satisfatoriamente a secagem do produto

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávia Cristina Lima, IFPE - Campus Belo Jardim
Professor-pesquisador – IFPE Campus Belo Jardim/PE
Carlos José Macena, IFPE campus belo jardim
Discente do curo técnico de Agroindústria - IFPE Campus Belo Jardim  Bolsista PIBIC do IFPE
José Carlos Ferreira, IFPE Campus Belo Jardim
Professor-pesquisador – IFPE Campus Belo Jardim/PE
João Carlos Melo, IFRN Campus Caicó
Técnico-pesquisador do IFRN Campus Caicó/RN
Regilane Marques Feitosa, UFCG Campus Campina Grande
Pesquisadora PNPD/CAPES Engenharia de Processos-UFCG/CG

Referências

BORGES, A. M.. Estabilidade da prémistura de bolo elaborada com 60% de farinha de banana verde. Revista Ciência Agrotecnica, Lavras, v. 34, n. 1, p. 173-181, feb. 2010.

DANTAS, T. N. P. et al. Estudo da transferência de calor e massa e da cinética de secagem em placas planas de batata inglesa (Solanum Tuberosum L.). In: Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica, v.8, 2009, Uberlândia. Disponível em: <http://www.cobeqic2009.feq.ufu.br/ uploads/media/105621281.pdf>. Acesso em: 22 set. 2016.

DARVISHI, H.; ASL, A. R.;AGHARI, A.; AZADBAKHT, M.; NAJAFI, G.; KHODAEI, J. Study of the drying kinetics of pepper, Journal of the Saudi Society of Agricultural Sciences, J. Saudi Soc. For Agric. Sci., 2013.

GOUVEIA, J. P. G.; ALMEIDA, F. A. C.; E. S. FARIAS.; SILVA, M. M.; CHAVES, M. C. V.; REIS, L. S. Determinação das Curvas de Secagem em Frutos de Cajá. Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais, Campina Grande, Especial, n.1, p.65-68, 2003.

MELO, J. C. S.; PEREIRA, E. D.; COSTA, C. H. C.; OLIVEIRA, K. P. Modelagem Matemática das Curvas de Secagem da Pimenta de Cheiro, Anais…In: XX CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA QUÍMICA, 2014, Florianópolis – SC, setembro, 2014, p.1-7.

MIDILLI, A.; KUCUK, H.; YAPAR, Z. A new model for single-layer drying. Drying Technology, v.20, n.7, p.1503–1513, 2002.

RIBEIRO, T. D. R. W. Descrição da cinética de secagem de frutos de banana Prata e D’Água por modelos de regressão não linear . Revista da estatistica, v3., p. 2014.

SILVA, I. G. Desidratação de banana em secador solar: viabilidade técnica e econômica, 2010, 103f. Dissertação – Universidade Federal do Rio Branco, RIO BRANCO, 2010.

SOUSA, F. C., SOUSA, E. P., SILVA, L. M. M., MARTINS, J. J. A., GOMES, J. P., ROCHA, A.P.T. Modelagem Matemática para Descrição da Cinética de Secagem de Polpa de Oiti. Revista Educação Agrícola Superior, v.26, n.2, p.108-112, 2011.

Publicado
2017-11-23
Como Citar
Lima, F. C., Macena, C. J., Ferreira, J. C., Melo, J. C., & Feitosa, R. M. (2017). CINÉTICA DE SECAGEM DA BANANA VERDE PACOVAN (Musa x paradisiacal). Revista Brasileira De Agrotecnologia, 7(2), 73-77. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/REBAGRO/article/view/5118
Seção
Artigos