PERFIL SENSORIAL E ACEITAÇÃO DE LICORES MISTOS DE ACEROLA E GOIABA XAROPADO COM MEL

  • Adriella Pereira Soares Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Campus Pau dos Ferros
  • Emanuel Neto Alves Oliveira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Campus Pau dos Ferros http://orcid.org/0000-0002-7000-8126
  • REGILANE MARQUES FEITOSA Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande-PB http://orcid.org/0000-0003-2627-0933
  • Renato Costa Silva Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande-PB http://orcid.org/0000-0003-3172-4776
  • KAROLINE THAYS ANDRADE ARAÚJO Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande-PB

Resumo

O presente trabalho objetivou elaborar e avaliar o perfil sensorial e de aceitação de licores mistos de acerola e goiaba xaropados com mel, onde foram elaboradas três formulações de licores com diferentes concentrações de frutas: L1 (50% acerola/50% goiaba), L2 (40% acerola/60% goiaba) e L3 (60% acerola/40% goiaba). A produção de frutas brasileira não estar apenas voltada para o consumo in natura nacional e de exportação, a produção de frutas para o processamento de derivados é cada dia mais frequente e as indústrias de bebidas alcoólicas e não alcoólicas são umas das que absorvem essa produção. Conclui-se que todos os licores elaborados apresentaram excelente aceitação pelos provadores, sendo viável a sua produção e comercialização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABRABE - Associação Brasileira de Bebidas. Mercado - Categorias de bebidas: Licores. 2012. Disponível em <http://www.abrabe.org.br.> Acesso em 30 Jul. 2015.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa n. 1, de 07 de janeiro de 2000. Aprova o Regulamento Técnico Geral para fixação dos Padrões de Identidade e Qualidade para Polpa de Fruta. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília-DF, 10 Jan. 2000a.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa no 11, de 20 de outubro de 2000. Aprova o Regulamento Técnico de Identidade e qualidade do Mel. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Brasília, DF, 23 de outubro de 2000, Seção 1, p. 23, 2000b.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa no 55, de 31 de outubro de 2008. Aprova o Regulamento Técnico de Identidade e qualidade de licor. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Brasília, DF, 31 de outubro de 2008.

DUTCOSKY, S. D. Análise sensorial de alimentos. 4ª ed. Curitiba-PR: Editora Universitária Champagnat, 2013. 531p.

EVANGELISTA-RODRIGUES, A. SILVA, E.M.S.; BESERRA, E.M.F.; RODRIGUES, M.L. Análise físico-química dos méis das abelhas Apis mellifera e Melipona scutellaris produzidos em regiões distintas no Estado da Paraíba. Ciência Rural. Santa Maria, vol.35 no.5. 2005.

FERNANDES, A.G.; PINHEIRO, A.M.; PRADO, G.M.; FAI, A.E.C.; SOUSA, P.H.M. Sucos tropicais de acerola, goiaba e manga: avaliação dos padrões de identidade e qualidade. Ravista Ceres. Viçosa, v. 307, n. 53, p. 302-308, 2006.

FINCO, F.D.B.A.; MOURA, L.L.; SILVA, I.G. Propriedades físicas e químicas do mel de Apis mellifera L. Food Science and Technology, Campinas, n. 30, v.3, p. s.p 2010.

FREITAS, C.A.S.; MAIA, G.A.; COSTA, J.M.C.; FIGUEIREDO, R.W.; SOUSA, P.H.M. Acerola: produção, aspectos nutricionais e produtos. Revista Brasileira. Agrociência, Pelotas, v. 12, n. 4, p. 395-400, 2006.

GADELHA, A.J.F.; ROCHA, C.O.; VIEIRA, F.F.; RIBEIRO, G.N. Avaliação de parâmetros de qualidade físico-químicos de polpas congeladas de abacaxi, acerola, cajá e caju. Revista Caatinga. Mossoró, v.22, n.1, p.115-118, 2009.

GULARTE, M. A. Análise sensorial. Ed. Universitária da Universidade Federal de Pelotas, 2009. 66p.

INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Normas Analíticas do Instituto Adolfo Lutz: Métodos Físico-químicos para Análise de Alimentos. 4ª edição, 1ª edição Digital, São Paulo: Instituto Adolpho Lutz, 2008. 1020 p.

JORGE, L.; TAVARES, P.E.R.; SILVA, M.G.; BAGGIO, S.R.; ORMENESSE, R.C. In: DESENVOLVIMENTO DE GELÉIA DE GOIABA E ACEROLA ENRIQUECIDA COM VITAMINAS E MINERAIS. IV Congresso Interinstitucional de Iniciação Científica – CIIC. 13 a 15 de agosto de 2012, Jaguariúna, n. 12232, p. 1-10, 2012.

LACERDA, J. J. J.; SANTOS, J. S.; SANTOS, S. A.; RODRIGUES, G. B.; SANTOS, M. L. P. Influência das características físico-químicas e composição elementar nas cores de méis produzidos por Apis mellifera no sudoeste da Bahia utilizando análise multivariada. Química Nova, v. 33, n. 5, p. 1022-1026, 2010.

LASCEVE, G.; GONNET, M. Analyse por radioactivation du contenu mineral d'un miel. Possibilité de preciser son origine. Apidologie, Springer Verlag, v. 5, n. 3, p. 201-223, 1974.

MENDES, C.G.; SILVA, J.B.A.; MESQUITA, L.X.; Maracajá, P.B. As análises de mel: revisão. Revista caatinga. Mossoró, v.22, n.2, p.07-14, 2009.

MÉLO, E.A.; LIMA, V.L.G.; NASCIMENTO, P.P. Formulação e avaliação físico-química e sensorial de geléia mista de pitanga (Eugenia uniflora L.) e acerola (Malpighia sp). Boletim Centro de Pesquisa de Processamento de Alimentos. Curitiba, v. 17, n. 1, p. 33-44, 1999.

OLIVEIRA, E. N. A. DE; SANTOS, D. C. Processamento e avaliação da qualidade de licor de açaí (Euterpe oleracea Mart.). Revista do Instituto Adolfo Lutz, São Paulo, v.70, p.534-41, 2011b.

OLIVEIRA, E.N.A. DE; SANTOS, D.C.; SANTOS, Y.M.G.; OLIVEIRA, A. A. Agroindustrial utilization of soursop (Annona muricata L.) for production of liqueurs: Sensory evaluation. Journal of Biotechnology and Biodversity, v.5, p.33-42, 2014.

OLIVEIRA, E. N. A. DE; SANTOS, D. C. Análise físico-química de méis de abelhas africanizada e nativa. Revista do Instituto Adolfo Lutz, São Paulo, v.70, n. 2, 2011a.

PAGLARINI, C.S.; SILVA, F.S.; PORTO, A.G.; SANTOS, P.; LEITE, A.L.M.P. Avaliação físico-química de polpas de frutas congeladas comercializadas na região do médio norte Matogrossense. Enciclopédia Biosfera, Goiânia, v.7, n.13, p.1391-1398, 2011.

PENHA, E.M.; DELLA MODESTA, R.C.; GONÇALVES E.B., SILVA, A.L.S.; MORETTI, R.H. Efeito dos Teores de álcool e açúcar no perfil sensorial de licor de acerola. Brazilian Journal of Food Technology, Campinas SP, v.6, n.1, p.33-42, 2003.

RICHTER, W.; JANSEN, C.; VENZKE, T. S. L.; MENDONÇA, C. R. B.; BORGES, C. D. Avaliação da qualidade físico-química do mel produzido na cidade de Pelotas/RS. Alimento e Nutrição, v. 22, n. 4, p. 547-553, 2011.

Santos, A. A. C., Florêncio, A. K. G. D., Rocha, É. M. F. F., Costa, J. M. C. Avaliação físico-química e comportamento higroscópico e goiaba em pó obtida por spray-dryer. Revista Ciência Agronômica v. 45, n. 3, p. 508-514, 2014

SILVA, I.F.B; SOUSA, B.A.A.; BESERRA, A.; SILVA, W.A.; MEDEIROS, G.C.A. Elaboração de biscoitos tipo cookies com farinha de resíduos do processamento de polpa de acerola. Encontro Nacional de Educação, Ciência e Tecnologia- ENECT. s.p. 2011.

SOUSA, M.S.B.; VIEIRA, L.M.; SILVA, M.J.; LIMA, A. Caracterização nutricional e compostos antioxidantes em resíduos de polpas de frutas tropicais. Ciências e Agrotecnologia. v.35 n.3 Lavras, 2011.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Mercado de fruticultura: panorama do setor no Brasil. Boletim de inteligência, outubro 2015.

TEIXEIRA, L.J.Q.; RAMOS, A.M.; CHAVES, J.B.P.; SILVA, P.H.A.; STRINGHETA, P.C. Avaliação tecnológica da extração alcoólica no processamento de licor de banana. Revista Boletim Centro de Pesquisa de Processamento de Alimentos, Curitiba, v. 23, n. 2, p. 329-346, 2005.

Publicado
2017-11-23
Como Citar
Soares, A. P., Oliveira, E. N. A., FEITOSA, R. M., Silva, R. C., & ANDRADE ARAÚJO, K. T. (2017). PERFIL SENSORIAL E ACEITAÇÃO DE LICORES MISTOS DE ACEROLA E GOIABA XAROPADO COM MEL. Revista Brasileira De Agrotecnologia, 7(2), 132-138. Recuperado de https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/REBAGRO/article/view/5132
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)